Levantamento da empresa Paraná Pesquisas divulgado nesta 3ª feira (15.set.2020) indica que 61,2% dos brasileiros pretendem tomar a vacina contra a covid-19. Outros 26,9% dizem que depende de qual país a vacina será importada e 8% responderam que não pretendem tomar. Leia a íntegra (330KB).

Os números confirmam a pesquisa do PoderData de julho que mostrou que a maioria dos brasileiros pretende tomar o imunizante contra a covid-19.

Segundo a Paraná Pesquisas, o percentual de pessoas que tomariam vacina é maior na faixa etária de 16 a 24 anos (68,2%) e entre homens (62,9%, contra 59,7% das mulheres). Essa percepção é menor no Nordeste (59,6%) e entre pessoas de 45 a 59 anos (58,3%).

A pesquisa também perguntou sobre obrigar as pessoas a tomarem a vacina. Entre os ouvidos, 55,2% se dizem a favor da medida; 38,6% contra; e 6,2% não sabem.

Foram entrevistadas 2.008 pessoas por telefone em todas as unidades federativas do Brasil de 10 a 12 de setembro de 2020. A margem de erro é de 2,2% pontos percentuais.