vocação matrimonial- Será que você tem?

Caros leitores,

Vivemos em uma sociedade onde os valores familiares estão perdendo sua importância, onde muitos casamentos se dissolverem por motivos insignificantes, como se fossem descartáveis.

É raro encontramos casais mais de 3 anos de matrimônio. Gastam-se fortunas em festas de casamento e deixa-se de olhar para o mais importante, deixa-se de olhar para o significado da vocação matrimonial.

Sou casada há 23 anos e posso dizer, que ao dizermos “sim”, aos recebermos o sacramento do matrimonio, assumimos perante Deus, perante a igreja, perante os amigos e familiares uma grande e desafiadora missão, que a de formar uma família, de ser Pai, mãe e filhos e também viver o amor conjugal.

E mais, assumimos a nossa vocação matrimonial, vocação esta que é o ninho de todas as demais. Pois é na família que serão constituídos padres, médicos, advogados, políticos, ou seja, todas as outras vocações.

A importância da família foi exaltada pelo santo Padre João Paulo II chamou a família de “Santuário da vida”.

E o Concilio Vaticano II a chamou de “Igreja Domestica”. Quanto dois ou mais estiverem reunidos em meu nome, eu estarei no meio deles  (Mateus 18,20)

O casal que recebe o sacramento do matrimonio recebe o amor divino e Deus estará entre os dois nos bons e nos maus momentos.

O matrimonio é o ponto de encontro em que o amor de Deus une o amor entre homem e mulher.

Por isso é preciso também termos em mente que o casamento é uma união de três pessoas: do Homem, da mulher e de Deus.

A imagem abaixo representa com muita clareza a importância de Deus na vida do casal. Pois quanto mais longe o casal está de Deus, mais longe eles estarão um do outro. Quanto mais próximo o casal está de Deus, mais próximo estarão um do outro.

Portanto, o casal que deseja construir sua casa sob a rocha deve também se preocupar em garantir que a espiritualidade faça parte de seu dia a dia. Por isso é muito importante viver a fé dentre do lar.

O Casal que se casa na igreja recebe o amor divino de Deus. Deus estará entre eles nos momentos bons e nos momentos ruins.

Por fim, importante ainda ressaltar que uma das missões que assumimos no casamento é a de fazer o outro feliz.

No casamento o crescimento em relação ao amor se comprova no fato de que, aos poucos, duas pessoas se tornam altruístas, em vez de seguirem egocêntricas.

Sua alegria na alegria do outro. Esse é o sentido da felicidade conjugal.

Caros leitores,

Vivemos em uma sociedade onde os valores familiares estão perdendo sua importância, onde muitos casamentos se dissolverem por motivos insignificantes, como se fossem descartáveis.

É raro encontramos casais mais de 3 anos de matrimônio. Gastam-se fortunas em festas de casamento e deixa-se de olhar para o mais importante, deixa-se de olhar para o significado da vocação matrimonial.

Sou casada há 23 anos e posso dizer, que ao dizermos “sim”, aos recebermos o sacramento do matrimonio, assumimos perante Deus, perante a igreja, perante os amigos e familiares uma grande e desafiadora missão, que a de formar uma família, de ser Pai, mãe e filhos e também viver o amor conjugal.

E mais, assumimos a nossa vocação matrimonial, vocação esta que é o ninho de todas as demais. Pois é na família que serão constituídos padres, médicos, advogados, políticos, ou seja, todas as outras vocações.

A importância da família foi exaltada pelo santo Padre João Paulo II chamou a família de “Santuário da vida”.

E o Concilio Vaticano II a chamou de “Igreja Domestica”. Quanto dois ou mais estiverem reunidos em meu nome, eu estarei no meio deles  (Mateus 18,20)

O casal que recebe o sacramento do matrimonio recebe o amor divino e Deus estará entre os dois nos bons e nos maus momentos.

O matrimonio é o ponto de encontro em que o amor de Deus une o amor entre homem e mulher.

Por isso é preciso também termos em mente que o casamento é uma união de três pessoas: do Homem, da mulher e de Deus.

A imagem abaixo representa com muita clareza a importância de Deus na vida do casal. Pois quanto mais longe o casal está de Deus, mais longe eles estarão um do outro. Quanto mais próximo o casal está de Deus, mais próximo estarão um do outro.

Portanto, o casal que deseja construir sua casa sob a rocha deve também se preocupar em garantir que a espiritualidade faça parte de seu dia a dia. Por isso é muito importante viver a fé dentre do lar.

O Casal que se casa na igreja recebe o amor divino de Deus. Deus estará entre eles nos momentos bons e nos momentos ruins.

Por fim, importante ainda ressaltar que uma das missões que assumimos no casamento é a de fazer o outro feliz.

No casamento o crescimento em relação ao amor se comprova no fato de que, aos poucos, duas pessoas se tornam altruístas, em vez de seguirem egocêntricas.

Sua alegria na alegria do outro. Esse é o sentido da felicidade conjugal.

Rosiane Catarina

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line