Sejudh realiza visita à rede de atendimento à mulher vítima de violência em Santarém


As representantes da coordenadoria da Mulher da Sejudh participaram da reunião do Conselho da Condição Feminina, onde puderam avaliar a política para as mulheres. Representantes da Coordenadoria de Integração de Políticas para as Mulheres da Sejudh em atuação em Santarém
Agência Pará/Divulgação
A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos do Estado (Sejudh), por meio da Coordenadoria de Integração de Políticas para as Mulheres, promovendo esta semana uma série de visitas de monitoramento à rede de atendimento à mulher em situação de violência, em Santarém, oeste do estado. O trabalho acontece em Unidades da Fundação Parápaz, Centros de Referencias de Atendimento à Mulher, abrigos e na Secretaria Municipal de Assistência Social.
As representantes da coordenadoria da Mulher da Sejudh, Márcia Jorge e Telma Lima, participaram da reunião do Conselho da Condição Feminina, onde puderam avaliar a política para as mulheres em Santarém. Elas frisaram a importância da Conferência Municipal dos Direitos das Mulheres, importante para o conhecimento das especificidades do segmento e do respeito às diversidades do gênero.
Rede de Enfrentamento
Coordenadora da coordenadoria de Integração de Políticas para as Mulheres, Márcia Jorge afirmou que a criação de um fluxo de atendimento é importante para o fortalecimento das ações no atendimento às demandas das mulheres vítimas de violência.
“O monitoramento faz parte de uma das ações da Coordenadoria da Mulher no estado, que busca, por meio das visitas nos municípios, a intensificação do trabalho de promoção e de atendimento à mulher. A parceria com os movimentos sociais também é uma forma de ter uma rede realmente organizada, que dê conta do atendimento à mulher na sua diversidade e na sua integridade. Vamos reorganizando as intervenções por meio do estado nas regiões onde nós já temos os serviços implantados”.
Leitores On Line