Seca prolongada transforma paisagem na zona rural


Até represa secou por causa da falta de chuva. Seca prolongada transforma paisagem na zona rural
Reprodução/TV TEM
É difícil para o produtor rural Sérgio Firmino do Amaral acreditar no que vê. Pela primeira vez em 60 anos, a represa da propriedade em José Bonifácio (SP) secou. Agora, até o gado está conseguindo passar.
O chão, que mais lembra o cenário de uma região árida, sempre foi ocupado por água. São aproximadamente 24,2 mil metros quadrados de extensão. A última vez que choveu foi há mais de 70 dias. E nem foi uma chuva volumosa.
Sérgio diz que é uma tristeza grande ao comparar o cenário atual com o que existia antes. Ele conta que o nível da represa sempre diminuiu um pouco nos períodos de estiagem, mas que a situação vem se agravando de uns tempos para cá.
(Vídeo: veja a reportagem exibida no programa em 20/09/2020)
Seca prolongada transforma paisagem na zona rural
Desde que a represa secou, a água para matar a sede do gado é retirada de um poço artesiano. A situação só deve mudar quando chover bastante. Em alguns lugares, não chove há mais de 140 dias.
A estiagem também baixou a vazão de várias nascentes e córregos. O nível do Turvo, um dos principais rios do noroeste paulista, já atinge a marcação zero da régua de medição.
O nível do córrego Barra Grande, afluente do Rio Preto, que corta a região de Mirassolândia (SP), também recuou.
Acesse + TV TEM | Programação | Vídeos | Redes sociais
Confira as últimas notícias do Nosso Campo

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line