SC permanece com 5 regiões em risco gravíssimo para Covid-19, segundo monitoramento do governo

Levantamento é feito de forma semanal pelo Centro de Operações de Emergência em Saúde. Outras 11 regiões continuam em nível grave para a doença. Estado segue com 5 regiões com risco gravíssimo para Covid-19
Cinco regiões de Santa Catarina permanecem em risco gravíssimo para a Covid-19, de acordo com o mapa de monitoramento do Centro de Operações de Emergência em Saúde (Coes), da Secretaria de Estado da Saúde. Os dados são referentes a terça-feira (1º) e foram divulgados nesta quarta (2). As outras 11 regiões continuam em nível grave. O levantamento é realizado semanalmente pelo governo estadual.
Das cinco regiões em risco gravíssimo, quatro já estavam na situação mais crítica da doença no boletim da semana anterior: Alto Vale do Rio Itajaí, Carbonífera, Meio-Oeste e Nordeste. A região Oeste, que estava em nível grave, voltou à classificação gravíssima.
Em relação ao levantamento anterior, o Extremo Sul Catarinense passou do risco gravíssimo para grave. A escala é dividida em níveis moderado, alto, grave ou gravíssimo.

Governo de SC
A partir da classificação de cada região no mapa de risco, recomendações são sugeridas pelo governo de Santa Catarina aos gestores locais. O acompanhamento é feito a partir de dados regionais e aponta o risco potencial em relação ao coronavírus de cada uma das 16 regiões de Saúde do estado.
Os níveis de risco são calculados a partir da combinação de quatro fatores: isolamento social, investigação, testagem e isolamento de casos, reorganização de fluxos assistenciais e ampliação de leitos.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line