Rio de Janeiro registra o maior número de mortes pela Covid-19 em um único dia

O Estado do Rio de Janeiro registrou o maior número diário de mortes pela Covid-19 em quase um mês. Ao todo, foram contabilizadas na terça-feira, 15, mais 177 mortes no estado fluminense pela doença, é o maior patamar desde 19 de agosto. A secretaria estadual de saúde informou ainda mais 1.608 ocorrências de casos do coronavírus nas últimas 24 horas. Ainda sim, mesmo com a elevação, a média móvel de óbitos apresenta uma tendência de estabilidade. Segundo especialistas, embora seja um sinal inicial, é preciso ficar de olho para os próximos dados estáticos. A média móvel semanal parou de cair depois de quase 15 dias com tendência de declínio. Os dados revelam que, na última semana, encerrada na terça, a média móvel alcançou 77 mortes por dia, queda de 13% em relação aos 14 dias anteriores.

Ao mesmo tempo em que o Estado tem aumento das mortes, as aglomerações em praias e bares, especialmente nos finais de semana e feriados, serviram de alerta para autoridades. Houve até recuos em algumas poucas medidas de flexibilização, embora nem todas tenham dado certo. Ainda na terça-feira houve, inclusive, uma nova decisão do Tribunal de Justiça fluminense reforçando a proibição da volta às aulas presenciais nas escolas particulares do Rio de Janeiro. Agora, está programada para o dia 1º de outubro uma audiência de conciliação para se tentar chegar a um planejamento da retomada das aulas na capital. Enquanto isso, o tema deve ser apreciado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O Estado do Rio de Janeiro tem, atualmente, 17.180 mortes pela Covid-19 e 244.418 casos da doença registrados oficial.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga

Leitores On Line