Rede Sustentabilidade oficializa candidatura de Marina Helou à Prefeitura de São Paulo


A candidata foi oficializada em convenção do partido nesta terça (15). Deputada estadual, Marina tem 33 anos e é formada em administração pública. A deputada estadual Marina Helou durante convenção virtual da Rede Sustentabilidade, onde foi oficializada candidata do partido à Prefeitura de São Paulo nesta terça-feira (15).
Reprodução
A Rede Sustentabilidade oficializou nesta terça-feira (15) a candidatura da deputada estadual Marina Helou à Prefeitura de São Paulo. O anúncio aconteceu durante a convenção do partido realizada virtualmente, onde a sigla anunciou que não fará coligações com outros partidos e terá Marco Di’Preto como vice na chapa de Marina Helou.
Na convenção, a candidata da Rede apresentou as principais plataformas da campanha dela e afirmou que vai trabalhar por uma cidade mais sustentável, com redução das desigualdades.
“Nós temos uma proposta que tem como eixo principal a redução das desigualdades. Para isso, a gente vai trabalhar muito na descentralização do poder das escolhas. Vai trabalhar muito em inovação, e aqui a gente fala de trazer os melhores cases para São Paulo; o direito da internet para todas as pessoas; e trabalhar muito por uma cidade sustentável”, afirmou Helou.
A Rede Sustentabilidade também anunciou que terá 35 candidatos a vereador na capital paulista nas eleições 2020, entre elas uma candidatura coletiva. Segundo o partido, 34% das candidaturas da legenda neste ano serão de mulheres.
Em 2020, o calendário das eleições foi adiado por causa da pandemia do coronavírus e o primeiro turno acontece em 15 de novembro, e o segundo, em 29 de novembro, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Perfil
Marina Helou é candidata da Rede
Alesp/divulgação
Marina Helou tem 33 anos e é formada em administração pública pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ela tem especialização em negócios e sustentabilidade e é mãe de um menino de 3 anos.
Atualmente, Helou é deputada estadual, eleita pela Rede em 2018. Na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), o foco dela é na defesa da primeira infância, da Segurança Pública, da água e do direito ao saneamento e também na defesa dos direitos das mulheres no estado de São Paulo.
Initial plugin text
Leitores On Line