Professor da Unicamp discute em Café Filosófico sentidos da liberdade durante a pandemia


José Alves de Freitas Neto propõe reflexão sobre reposicionamento do debate entre público e privado, além do bem comum e interesse particular. Transmissão será quinta-feira (24), às 18h. O professor da Unicamp José Alves de Freitas Neto
Miguel Von Zuben/G1
O professor do Departamento de História da Unicamp José Alves de Freitas Neto apresenta nesta quinta-feira (24) uma exposição sobre os sentidos da liberdade e da sujeição durante a pandemia do novo coronavírus, no Café Filosófico CPFL. O encontro será a partir das 18h e terá transmissão online.
Filósofo e diretor da comissão que organiza o vestibular da universidade estadual (Comvest), ele propõe uma reflexão sobre o fato de que as tensões entre os desejos individuais e práticas sociais restritivas reposicionaram o debate entre público e privado, além do bem comum e interesse particular.
O encontro é ao vivo, tem exibição gratuita e faz parte da série “A consciência mascarada: larvatus prodeo”, com curadoria do historiador Leandro Karnal.
Serviço
Exposição do historiador e filósofo José Alves de Freitas Neto
Quando: quinta-feira (24), a partir das 18h
Onde: transmissão online e ao vivo
Classificação: 14 anos
Informações: institutocpfl.org.br
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line