Presidente do TST está com covid-19

A presidente do TST (Tribunal Superior de Trabalho), ministra Maria Cristina Peduzzi, foi diagnosticada com covid-19 nesta 4ª feira (16.set.2020). Ela participou da posse do ministro Luiz Fux na presidência do STF (Supremo Tribunal Federal) na última 5ª feira (10.set).

A ministra está internada em um hospital particular de Brasília desde a noite da 3ª feira (15.set), quando tinha “sintomas sugestivos de covid-19”.

Em nota divulgada nesta 4å feira, o TST informou que Peduzzi “apresenta bom estado de saúde, com sintomas leves da doença, e deve permanecer no Hospital Sírio-Libanês, em Brasília, até alta médica”.

Ela também preside o CSJT (Conselho Superior da Justiça do Trabalho). Até a alta da ministra, a presidência do TST e do CSJT será conduzida pelo vice-presidente da Corte, ministro Vieira de Mello Filho.

Peduzzi é a quinta pessoa que esteve na posse de Fux a ter a doença confirmada. O presidente do STF, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e outras duas autoridades estão infectadas.

Segundo a assessoria da ministra, ela participou de todos os compromissos, desde março, de forma remota. O único evento público em que esteve presencialmente  foi a posse de Fux.

Até a publicação desta reportagem, essa era a lista de pessoas presentes no evento que tiveram o diagnóstico de covid-19 confirmado:

  • Luiz Fux, presidente do STF;
  • Rodrigo Maia, presidente da Câmara;
  • Luis Felipe Salomão, ministro do STJ (Superior Tribunal de Justiça);
  • Antonio Saldanha Pinheiro, ministro do STJ;
  • Maria Cristina Peduzzi, presidente do TST.
Leitores On Line