Preço das ações da Magazine Luiza ultrapassa R$ 100 no Ibovespa

O preço das ações da Magazine Luiza (MGLU3) no Ibovespa, principal índice da B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), superou R$ 100 nesta 3ª feira (13.out.2020). O valor chegou a R$ 102,90, com alta de 4,84%.

A gigante varejista cresceu fortemente nos últimos 3 anos e passou a ter valor de mercado de R$ 164,9 bilhões. As ações custavam R$ 40,42 há 12 meses. Há 3 anos, R$ 8,93.

Com o preço elevado, a empresa anunciou (270 Kb) que fará o desdobramento das ações, o que permite deixar o valor das cotas mais acessível para os investidores.

A Magalu se tornou a ação preferida de muitos investidores pelos ganhos dos últimos anos. No 2º trimestre de 2020, apesar de a empresa ter registrado prejuízo líquido de R$ 64,5 milhões, os resultados foram animadores para os operadores de mercado.

A receita líquida chegou a R$ 5,5 bilhões, o que corresponde a uma alta de 29,3% na comparação com o 2º trimestre de 2019. As vendas atingiram R$ 8,56 bilhões, depois de subirem 49,1% no mesmo período.

Os grandes resultados da empresa estão associados ao e-commerce, segmento em que a Magalu se tornou uma grande potência no Brasil. As vendas on-line dispararam 181,9% no 2º trimestre de 2020 em relação ao mesmo período do ano anterior. Somaram R$ 6,7 bilhões no período, o que corresponde a 78,5% do total de vendas feitas.

O crescimento do e-commerce foi o maior já registrado pela empresa. Mesmo com a flexibilização das medidas de isolamento social e a volta do consumo presencial, há expectativa de operadores de continuidade nos números positivos para a empresa.

Passe o mouse por cima do gráfico para visualizar os valores:

A empresária Luiza Trajano, 68 anos, se tornou a mulher mais rica do Brasil, de acordo com a revista Forbes. O patrimônio dela cresceu 181% em 1 ano e alcançou R$ 24 bilhões.

Ela ocupa a 8ª posição do top 10 brasileiros com maior patrimônio. Luiza subiu 16 posições na lista em comparação com 2019.