Praça Caiçara, no Itacorubi, tem iluminação pública modernizada

Espaço está sendo totalmente reformulado pela Prefeitura de Florianópolis

Os moradores do bairro Itacorubi, em Florianópolis, em breve contarão com um espaço de lazer totalmente novo. A Praça Caiçara, que fica junto à Rodovia Amaro Antônio Vieira, está sendo reformulada. A obra faz parte do Programa Praça Viva, lançado pela Prefeitura em 2019. A iniciativa é voltada à reforma e revitalização de espaços públicos municipais incluindo praças, parques infantis, quadras de esportes e academias de ginástica.

A modernização do sistema de iluminação pública da Praça Caiçara está sendo feita pelo Consórcio SQE LUZ, formado pelas empresas ENGIE e QUANTUM Engenharia. As luminárias de vapor de sódio de 400 Watts e os projetores de vapor metálico 400 Watts da instalação original, dispostos em postes de concreto (6) e metálicos (4), já foram removidas e estão sendo substituídas por modernas luminárias LED, dispostas em postes de compósito, com menor risco de choques, em nova configuração, bem mais eficiente. A previsão é de que a equipe do SQE LUZ conclua esse serviço no fim de julho.

O novo sistema de iluminação da Praça Caiçara terá:

 

* 28 Postes compósitos de 4 metros livres;

* 12 Postes compósitos de 10 metros livres;

* 28 Luminárias tipo ornamental com tecnologia LED 54 Watts;

* 28 Luminárias com tecnologia LED de 180 Watts;

* Circuito de rede subterrânea e demais equipamentos necessários para o perfeito funcionamento da instalação.

Vantagens da tecnologia LED

A modernização feita com tecnologia LED garante melhor percepção visual com emissão de luz branca, embelezando a cidade e proporcionando maior segurança à comunidade. Também proporciona economia aos cofres públicos, por apresentar aproveitamento de energia 50% maior em comparação à iluminação com lâmpadas de descarga, com 95% de aproveitamento da sua energia e apenas 5% desperdiçados na forma de calor.

Sua durabilidade é de aproximadamente 50 mil horas, com duração prevista de até 11 anos (sem considerar possíveis surtos de tensão na rede de distribuição de energia). Ainda, suporta melhor as condições bruscas de tempo e temperatura, sendo mais resistentes a choques, vibrações e impactos. Não possui elementos tóxicos na sua composição, sendo 100% reciclável.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line