Polo de moda íntima atrai profissionais para o interior de MG em busca de oportunidades


Pessoas trocaram cidade natal pelo mundo das lingeries em Juruaia. Cidade emprega cerca de 5 mil profissionais ligados ao setor. Val presta consultoria em lojas Juruaia (MG)
Arquivo pessoal
O polo de moda íntima de Juruaia (MG) emprega atualmente cerca de 5 mil pessoas nas mais de 200 confecções existentes. Diante do cenário positivo de vagas e favorável ao empreendedorismo, a cidade atrai profissionais até de regiões maiores, em busca de novas oportunidades e até mudança na carreira.
O consultor de moda e publicitário Valdimar Alans da Paixão, conhecido como “Val Allans”, tem 27 anos e desde os 15 trabalha com moda íntima em Juruaia. A história dele começou com trabalhos como assistente de padeiro e atendente de sorveteria. Também atuou em uma funerária e uma choperia antes de começar na produção de peças íntimas. “Não sabia nada de lingerie”, afirmou.
Confira a cobertura completa do Festlingerie no G1
A oportunidade surgiu em uma empresa onde permaneceu por cinco anos. “Dentro dessa firma, fui crescendo profissionalmente. Aprendi sobre vendas, marketing, modelagem e desenvolvimento de produto. Também a costurar em todas as máquinas e a cortar”.
Nesse tempo, começou a buscar conhecimentos teóricos. “Fiz faculdade de comunicação com habilitação em Publicidade e Propaganda. Sou pós-graduando em moda e negócios. Ainda tenho diversos cursos na área de modelagem e estilo, desenvolvimento de coleção, lideranças e vendas’, contou.
Ao sair da primeira empresa de lingerie onde conheceu o setor, Val decidiu abrir sua própria marca que hoje está sob o cuidado de suas irmãs. “Fiquei na minha marca por três anos. Paralelo a isso, tenho uma loja multimarcas que atende todas as empresárias de Juruaia, todo pessoal que é mais ligado na moda aqui da cidade”, disse.
Val trabalha também em eventos de moda íntima em Juruaia (MG)
Vanessa Martins
O tempo passou e Val adquiriu mais experiências. Começou a ser procurado pelas empresas locais para dar consultoria.
“O que era uma renda extra, hoje virou uma consultoria. Comecei a ofertar esses serviços de vitrinismo, consultoria em planejamento e desenvolvimento de coleção, produção de moda e stiling para campanhas de moda e desfiles e assessoria em eventos de moda em geral”, explicou.
Ele trabalha atualmente com cino marcas de Juruaia e também auxilia na organização da Feira de Lingerie de Juruaia (Felinju) e no Festival da Lingerie (Festlingerie) junto à Associação Comercial e Industrial de Juruaia (Aciju).
Val Allans é natural de Monte Belo (MG). Ele é o caçula de uma família de seis filhos que viviam na zona rural. “Chegamos a passar por dificuldades financeiras quando eu era bem pequeno. Éramos uma família grande com poucas pessoas trabalhando. Até, por isso, decidimos mudar para Juruaia”, relembrou.
Quando tinha dez anos, se mudou para Juruaia junto com sua família. “Vi na lingerie e em Juruaia a oportunidade de crescer profissionalmente. Esse mercado me trouxe a realização pessoal e a concretização de sonhos”, comemorou.
Juruaia (MG) atrai profissionais em busca de novs experiências e oportunidades
Reginalva Fotografias
Marketing e banco
A publicitária e gerente de relacionamento Ana Angélica Ferreira Penha é natural de Varginha (MG). Ainda quando era criança, ela acompanhou a família na mudança para o bairro Barra Bonita na zona rural de Muzambinho (MG). “Eu fui criada na roça e quando tinha 17 anos, eu vim para Juruaia para trabalhar. Estou aqui até hoje”, diz.
Ela disse que não conseguiu emprego em Muzambinho e foi para Juruaia em dezembro de 2007. “Fiz uma entrevista na primeira empresa que deixei currículo. E, no mesmo dia, comecei a trabalhar como vendedora. Conheci meu esposo aqui, me casei, fiz faculdade, viajei, e fiz muitas amizades. Hoje não trabalho mais em confecção, mas foram elas que me abriram as portas para o emprego que tenho atualmente”, disse a consultora de marketing de uma marca local.
Ana Angelica também deu novos rumos a sua vida em Juruaia (MG).
Arquivo pessoal
Ana Angélica também disse que trouxe a família para viver em Juruaia. “Hoje minha irmã não mora mais aqui. Mas no começo, viemos ela, minha mãe e eu para trabalhar nas confecções”.
Graduada em Publicidade e Propaganda, Ana Angélica está casada há pouco menos de um ano, após um namoro de 11 anos e meio. “A família dele nasceu e sempre morou aqui”, falou sobre o marido.
Ana completa 12 anos em Juruaia e, além de consultora de marketing, é gerente de relacionamento de uma agência bancária cooperativa.“Já trabalhei como vendedora e gerente comercial em outras empresas. Fui diretora de uma marca de cosméticos e de marketing em um restaurante. Foram várias empresas”, recordou.
Da região metropolitana de São Paulo
O designer gráfico Elias Rodrigues Nogueira deixou um trabalho em uma gráfica em São Caetano do Sul (SP) para trabalhar com marketing digital em Juruaia. “A família da minha esposa é de São Pedro da União. Viemos passar um tempo em Minas para ficar com uma cunhada doente. Eu fui trabalhar em Guaxupé (MG) enquanto minha mulher ficava com os familiares”, contou.
Mas o sogro e a cunhada doente acabaram falecendo e Elias também se envolveu em um acidente de carro enquanto voltava do trabalho em Guaxupé.
“Eu ia para Ribeirão Preto (SP). Já estava com entrevista marcada. Antes, passei em Juruaia para tentar um emprego. Se a firma me contratasse eu ficava por aqui. Fui contratado em Juruaia e migrei para o ramo do marketing digital. Isso tudo há dois anos”, recordou.
Os fatos fizeram com que Elias adiasse sua volta para São Paulo por tempo suficiente para ficar definitivamente em Juruaia. “Vejo Juruaia como um mercado muito promissor. Estou super feliz e hoje, não voltaria para São Paulo por proposta nenhuma. O ar puro e a falta de trânsito são maravilhosos”, garantiu.
Elias e a família vivem uma vida tranquila em Juruaia (MG)
Arquivo pessoal
Serviço:
16º Festlingerie Juruaia
Data: 21 a 26 de setembro de 2020
Participação do público: Gratuita, com credenciamento no site festlingeriejuruaia.com.br
Telefone: (35) 3553-1327; Facebook; Instagram; Youtube.
Veja mais notícias da Festlingerie na página especial do G1

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line