Polícia prende homem que se passava por policial civil para extorquir comerciantes no Brás, no Centro de São Paulo


Suspeito abordava comerciante em lanchonete quando foi preso. Com ele foram encontrados simulacro de arma de fogo, distintivo da Polícia Civil, máscara de proteção contendo a sigla do Departamento Estadual de Investigações Criminais, além de pequena quantidade de droga. Material apreendido pela polícia durante abordagem a um falso policial civil na região do Brás, Centro de São Paulo.
Reprodução
A Polícia Militar prendeu nesta terça-feira (15) um homem que se passava por policial civil e tentava extorquir comerciantes no Centro de São Paulo. Ele foi localizado em uma lanchonete na Rua Rio Bonito, no Brás.
Segundo a polícia, por volta das 9h, policiais realizavam patrulhamento na região quando foram avisados de que três homens estariam abordando um comerciante, pedindo documentações e notas fiscais de mercadorias e exigindo dinheiro.
Quando os PMs chegaram ao local, dois dos suspeitos fugiram do local.
Com um deles, os policiais encontraram um simulacro de arma de fogo, um distintivo da Polícia Civil dentro da cueca, uma máscara de proteção contra o coronavírus contendo a sigla do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) e o brasão da instituição, além de uma pequena quantidade de droga.
O caso foi levado ao 12º DP do Brás e registrado como falsificação de selo ou sinal público, usurpação de função pública e drogas para consumo pessoal sem autorização ou em desacordo.
Os outros dois suspeitos ainda são procurados.
Leitores On Line