Polícia impede manifestação contra medidas da covid-19 em Bruxelas

Manifestantes pedem por
 retorno pacifico à liberdade

Manifestantes pedem por
retorno pacifico à liberdade

EFE / EPA / JULIEN WARNAND

A polícia de Bruxelas, na Bélgica, dissolveu neste domingo uma manifestação na qual participaram entre 300 e 400 pessoas em protesto contra as restrições impostas pelas autoridades para impedir a disseminação do covid-19, já que os participantes não estavam cumprindo as medidas de segurança.

“Grande parte dos manifestantes não usava máscara e não respeitava as regras de distância social. Acabamos com a manifestação e identificamos os infratores”, explicou um porta-voz da polícia à agência belga.

Tanto a manifestação como sua dispersão ocorreram sem incidentes e não resultaram em prisões.

O protesto, realizado em frente à sede do Ministério da Fazenda desde o início da tarde, foi convocado pelo coletivo “Folievirus” (Locuravirus) para protestar contra as medidas impostas para conter a pandemia, que consideram “liberticidas”, e “afirmam pacificamente o retorno à liberdade”, de acordo com sua página no Facebook.

O mesmo grupo já se manifestou no dia 16 de agosto.

Leitores On Line