Polícia Civil indicia homem por lesão corporal seguida de morte em Jaraguá do Sul

WhatsApp Image 2019 12 13 at 13.11.29

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Jaraguá do Sul, finalizou um inquérito policial e indiciou um homem de 77 anos por lesão corporal seguida de morte. O crime ocorreu em 04/01/2020, quando a vítima de 43 anos teria sido atingida por duas pauladas na cabeça, no bairro Tifa Monos, em Jaraguá do Sul.

As investigações duraram sete meses, tendo sido realizadas diversas diligências: oitivas de testemunhas, quebras de sigilo telefônico e perícias criminais. Segundo as investigações, o autor teria encontrado a vítima cometendo um estupro contra a sua ex-mulher, razão pela qual desferiu os golpes. A vítima ficou gravemente ferida e morreu no hospital três dias após o ocorrido.

Segundo a delegada Roberta Franco França, as investigações apontaram que o autor não tinha a intenção de matar a vítima.

Índice de homicídio volta a zerar em 2020 na cidade

De acordo com o delegado regional de Jaraguá do Sul, Fabiano dos Santos Silveira, até então esse era o único homicídio registrado neste ano na cidade. Agora, com a conclusão da Polícia Civil de que se trata de lesão corporal seguida de morte, o índice de homicídios volta a zerar em 2020, em Jaraguá do Sul.

Leitores On Line