Paranacidade renova compromisso com o Pacto Global, da ONU

O Paranacidade, vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, renovou por mais dois anos os seus compromissos com o Pacto Global, da Organização das Nações Unidas (ONU).
O Pacto Global propõe a adoção, nas atividades corporativas, de princípios para a garantia dos direitos humanos: desenvolvimento de políticas não discriminatórias no trabalho; defesa do meio ambiente, com a adoção de normas em favor do consumo sustentável e do uso responsável dos bens naturais; e o combate à corrupção.

A entrega do Comunicado de Engajamento (COE) aconteceu de forma remota, pelo site do Pacto Global Nova Iorque, no início deste mês de setembro, juntamente com o relatório de atividades já realizadas.

A adesão do Paranacidade ao Pacto Global da ONU aconteceu quando o governador Carlos Massa Ratinho Junior respondia pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e pela superintendência do Paranacidade, no mesmo período em que teve início a implantação do Programa de Compliance na instituição.

Desde janeiro de 2019, o programa de Compliance, que garante gestão pública de acordo com as boas práticas, passou a ser implantada também em toda administração pública estadual. O programa é um dos destaques entre as ações relatadas à ONU, além do registro da orientação das atividades de acordo com a Agenda 2030 e os seus Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), também da ONU.

GARANTIAS – As medidas para enfrentar as dificuldades geradas com a pandemia do novo Coronavírus aparecem como ações que garantiram a prestação dos serviços.

Com rápida adaptação, o Paranacidade passou a trabalhar no apoio aos municípios de forma remota, o que garantiu melhoria de produtividade nas ações e a continuidade nos processos de medições de obras e ações.

Na prática, isso significa a análise, aprovação, acompanhamento das fases de execução e o pagamento dos fornecedores, a manutenção e a criação de postos de trabalho e a movimentação da economia nas cidades, mesmo durante a crise provocada pela novo coronavírus.

O desenvolvimento e implantação do Portal dos Municípios, a publicação de um site com informações sobre a Agenda 2030, que conta com a adesão de 359 municípios paranaenses; o calendário de ações e a medição dos resultados alcançados também constam no relatório.

O COE registra, ainda, o compromisso assumido pela Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), além das ações desempenhadas pelo Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico (Cedes) para a implementação da Estratégia Paraná de Olho nos ODS, junto às demais vinculadas à Secretaria do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas: a Coordenadoria da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), a Paraná Edificações (PRED) e o Conselho Estadual das Cidades do Paraná (ConCidades / PR).

COMO PARTICIPAR – A adesão ao Pacto Global está aberta a qualquer instituição com personalidade jurídica. Ou seja, não se limita a entidades governamentais. Empresas e organismos do terceiro setor também podem formalizar o seu compromisso com os princípios propostos pela ONU. Mais informações no link: www.pactoglobal.org.br/como-aderir.

O COE do Paranacidade pode ser acessado no site do Pacto Global, no endereço PARANACIDADE.

Paranacidade renova compromisso com o Pacto Global, proposto pela ONU

Leitores On Line