Obras dos blocos das pontes Colombo Salles e Pedro Ivo estão 58% executadas

As obras de recuperação emergencial dos seis blocos das pontes Colombo Machado Salles e Pedro Ivo Campos, iniciadas em junho, estão 58% executadas. A previsão de conclusão é para novembro deste ano. Realizada pela Teixeira Duarte, a execução dos serviços emergenciais de reforço estrutural dos blocos de coroamento das pontes custarão R$ 6,9 milhões.

Em paralelo, outra obra é executada para realizar a manutenção geral das pontes, feita pela Cejen Engenharia. Iniciada em fevereiro de 2019, segundo a secretaria de Infraestrutura do Estado, tem previsão de entrega para julho de 2021, ao custo de R$ 28,8 milhões. Até o momento 52% das obras de manutenção foram executadas. Este trabalho inclui recuperação estrutural dos pilares e vigas, hidrojateamento e pinturas metálica.

Leitores On Line