Mulher é espancada na frente dos filhos e escreve bilhete para pedir socorro no ES


Caso aconteceu em Colatina. As agressões começaram na noite de terça-feira (22) e o agressor foi preso nesta quarta-feira (23). Mulher é espancada e presa dentro de casa em Colatina, no Norte do ES
Um homem, de 25 anos, foi detido após espancar e manter a esposa presa dentro de casa, em Colatina, no Noroeste do Espírito Santo. A prisão aconteceu nesta quarta-feira (23) depois dela escrever um bilhete pedindo socorro.
A vítima relatou que o casal estava junto há sete meses. As agressões, segundo relato dela, teriam começado na noite dessa terça-feira (22) depois que ela chamou a atenção para que ele não urinasse na rua.
“A gente tinha ido ver o jogo do Flamengo e quando a gente estava voltando para casa, ele foi fazer xixi na rua. Eu chamei atenção dele e ele não gostou. Quando chegou em casa, ele começou a me agredir. Ele me deu muitos chutes na costela, bateu a minha cabeça no chão”, contou a mulher, que não quis ser identificada.
Mulher é espancada por companheiro, no ES
Reprodução/ TV Gazeta
As agressões aconteceram na frente dos filhos da mulher, um menino de 9 anos e uma menina de 5 anos. Depois de espancar ela, o homem ainda a manteve presa dentro de casa.
Por causa disso, ela escreveu um bilhete pedindo socorro. “Coloquei o meu filho para pular a janela e entregar para quem ele encontrasse. Eu precisava de um médico e que a polícia fosse lá em casa”, relatou a vítima.
Mulher escreve bilhete para pedir socorro de agressões, no ES
Reprodução/ TV Gazeta
A Polícia Militar foi até a casa e conseguiu resgatar a mulher e os dois filhos. Na casa, a polícia ainda encontrou uma arma entre os pertences do agressor.
“Ela atendeu a gente e disse que voltaria para abrir o portão, mas como ela não voltou, a gente imaginou que ela estava presa lá dentro. Quando a gente entrou, avistamos ele muito alterado”, revelou o sargento Rodrigues.
A mulher ainda relatou que essa não foi a primeira agressão que sofreu. Na primeira, há cinco meses, a polícia foi chamada por vizinhos e o homem foi preso. Depois de ser liberado, ele prometeu que iria mudar.
O agressor foi preso, autuado por lesão corporal, cárcere privado e posse ilegal de arma de fogo. Ele foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Colatina.
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Espírito Santo

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line