Motoristas de aplicativo reforçam cuidados com a segurança e saúde durante a pandemia

A adoção de novos hábitos, como uso de máscara e desinfecção de carros, garantem renda ao trabalhar com a 99

Conheça a 99, startup brasileira de mobilidade urbana - 99

São Paulo, 24 de julho de 2020 – Com a reabertura das cidades, a preocupação das pessoas com a segurança nos seus deslocamentos aumentou. Segundo o DataSenado, instituto de pesquisa vinculado à Secretaria de Transparência do Senado Federal, nove em cada dez brasileiros se sentem pouco ou nada seguros em lugares com grande fluxo de pessoas. Quando perguntados sobre transporte público, 89% dos entrevistados avaliaram como um meio de locomoção onde há grande risco.

No Dia do Motorista, comemorado neste sábado, 25 de julho, condutores parceiros da 99 contam o que mudou nas suas rotinas nos últimos quatro meses, como incorporaram novos hábitos de higiene e camadas de proteção que estão ajudando a gerar renda e a manter em funcionamento um serviço ainda mais essencial frente ao novo cenário imposto pela pandemia.

Novos destinos: da Faria Lima para os supermercados

Luiz Sérgio Benedito dos Santos (45) dirige pela 99 em São Paulo desde 2016. O profissional seguiu trabalhando durante a pandemia para garantir o sustento da família, mas agora com novos hábitos. Vidros abertos na maior parte do tempo, máscara e uso frequente de álcool em gel passaram a fazer parte da rotina para proteger a si e aos passageiros. Acostumado com chamadas em shoppings centers e nos centros econômicos de São Paulo, como Berrini e Faria Lima, sua jornada passou a ser para supermercados, estações de trem e estabelecimentos de saúde.

Ele é o motorista parceiro que mais fez corridas desinfectadas no Brasil, utilizando tecnologia pioneira da 99 para a higienização de veículos, implantada pela plataforma no início da pandemia no Brasil, em março. “Nesta pandemia tivemos que nos adaptar, não só na proteção, mas também dos locais onde havia mais pedidos. Com menos gente na rua teve queda nas chamadas, sim, mas também tinha pessoal que precisava ir trabalhar e não queria ir em transporte mais lotado. Olha, até para diferenciar e proteger, fiz as desinfecções do carro que a 99 passou a oferecer a cada três dias e tem sido bom, pois dá segurança para mim e para os passageiros”, conta Santos, que é casado e tem dois filhos.

Além da desinfecção gratuita de carros dos motoristas parceiros, a 99 implementou outras ações de prevenção e redução de exposição ao vírus, como a distribuição de máscaras e álcool gel e a instalação de escudos protetores. As medidas são uma forma de cuidar dos motoristas – que prestam um serviço essencial – e de contribuir para que as pessoas que precisam sair de casa tenham um deslocamento seguro para quem precisa sair de casa neste momento.

Sustento da família

O Daniel Eli Coelho Pinto, motorista parceiro em Porto Alegre, era operador de logística na cidade e entrou para a lista dos desempregados em 2017, quando a usina de concreto onde trabalhava encerrou as atividades. Casado e com um filho de 22 anos, fez seu cadastro como motorista de aplicativo e passou a circular pelas ruas de Porto Alegre desde então. “As corridas que estou fazendo mais são para hospitais e também para funcionários de empresas que não querem que os trabalhadores fiquem expostos ao vírus na aglomeração dos outros meios de transporte, sabe?”, explica o condutor.

O cuidado e a prevenção vêm desde o tempo em que dirigia caminhão betoneira, no último emprego, mas Daniel relata que intensificou o cuidado desde o começo da pandemia. Uma das medidas adotadas foi fazer a desinfecção do seu carro na base de proteção da 99 instalada na cidade. Ele é o motorista parceiro que mais vezes realizou o serviço em seu veículo na capital gaúcha.

“Tenho um filho que vai se formar este ano na AMAN (Academia Militar das Agulhas Negras, em Rezende-RJ), minha esposa não quer que nada aconteça de ruim comigo e nem com eles. Então tenho tido ainda mais cuidado, passo pano com álcool no carro, uso máscara e os passageiros entram e olham o selo da desinfecção e elogiam, dizem que se sentem mais protegidos. Isso me dá mais tranquilidade para trabalhar”, afirma.

Ranking Nacional de Desinfecção da 99

Confira o Ranking Nacional da 99 de motoristas parceiros que mais fizeram corridas desinfectadas no mês de junho pela plataforma. Eles são das seguintes cidades:

1º – Motorista de Manaus

2º – Motorista de Florianópolis

3º – Motorista de São Paulo

4º – Motorista de Brasília

5º – Motorista do Rio de Janeiro

Sobre a 99

A 99, empresa brasileira de tecnologia que conecta passageiros e motoristas através de seu aplicativo, faz parte da companhia global Didi Chuxing (“DiDi”). O aplicativo conecta mais de 750 mil motoristas a 20 milhões de passageiros em mais de 1.600 cidades no Brasil. Como uma das maiores provedoras de mobilidade do país, a empresa oferece sete tipos de serviços na sua plataforma: 99Pop, categoria de carros particulares presente em mais de 40 regiões metropolitanas e grandes cidades; 99Poupa, categoria econômica de carros particulares disponível em horários de baixa demanda nas capitais Rio de Janeiro (RJ) e Manaus (AM); 99Taxi, categoria que cobre todo o país; 99Top, serviço de táxis de luxo oferecido em São Paulo; 99Compartilha, serviço de corridas compartilhadas disponível em Belo Horizonte (MG), Campinas (SP) e Campo Grande (MS); 99Comfort, que reúne comodidade de carros novos e espaçosos a um preço acessível em algumas capitais do país – Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Brasília (DF) e São Paulo (SP); e o 99Entrega, categoria de entrega de itens pessoais presente em 12 cidades do país.

Com Agências

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.