Mulher em leito com respirador

.cls-1{fill:none;}.cls-2{clip-path:url(#clip-path);}
Jochen Sand/GettyImages/Creative Commons

Estado mais atingido pela é São Paulo

O Brasil
registrou mais 851  mortes
causadas pelo novo coronavírus
(Sars-CoV-2) nas últimas 24 horas, fazendo o total subir para 125.502, segundo balanço divulgado nesta sexta-feira (4) pelo Ministério da Saúde. A alta corresponde a um crescimento de 0,7%.

De acordo com a pasta, os novos casos confirmados de Covid-19
são 51.638, totalizando 4.091.801. O aumento foi de 1,3%. Já a taxa de letalidade ficou em 3,1%.

Leia também

  • Síndrome respiratória aguda aumenta em MG e gera alerta de Covid-19
  • Covid-19: vacina russa induz anticorpos e é segura, afirma estudo preliminar
  • Governo gasta R$ 208 milhões em testes de Covid sem registro na Anvisa

As informações do Ministério da Saúde
são coletadas diretamente com as Secretarias Estaduais de Saúde. Os dados incluem pessoas sintomáticas e assintomáticas, o que significa dizer que, nesse último caso, são pacientes que foram ou estão infectadas, mas não apresentaram sintomas da doença.

Já de acordo com o levantamento do consórcio de veículos da imprensa, o Brasil registrou 855 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 125.584 óbitos. O número fez a média móvel de novas mortes Brasil nos últimos sete dias ficar em 856. A queda foi de 14% em relação aos dados registrados há 14 dias.

Em casos confirmados, já são 4.086.716 brasileiros com o novo coronavírus desde o começo da pandemia, sendo que foram 40.566 testes positivos registrados no último dia. A média móvel de casos foi de 39.722 por dia, uma alta de 5% em relação aos casos registrados duas semaas atrás.


Tabela de mortes e casos confirmados da Covid-19 no Brasil

.cls-1{fill:none;}.cls-2{clip-path:url(#clip-path);}
Divulgação/Ministério da Saúde

Tabela de mortes e casos confirmados da Covid-19 no Brasil

Na quinta-feira (3), o número de óbitos era 124.651, enquanto o de pessoas com a doença era de 4.040.163.

São Paulo continua sendo o estado que tem mais mortes
, com 31.091 das 125.502 ocorrências. A letalidade é de 3,7% no estado. Em segundo lugar vem o Rio de Janeiro, com 16.467 mortes e letalidade de 7,1%.

No quadro de casos confirmados, São Paulo também lidera a lista. O estado tem 845.016 pessoas infectadas pelo coronavírus. Em segundo lugar vem a Bahia, com 268.137 vítimas de contaminação, sendo seguido por Rio de Janeiro (232.489), Ceará (230.105) e Minas Gerais (228.013).

O estado menos afetado é o Acre, que tem registro de 623 mortes e soma 25.249 casos confirmados de contaminações pelo novo coronavírus desde o início da pandemia.

Ainda segundo o Ministério da Saúde, 688.056 pacientes com Covid-19 estão em acompanhamento e 3.278.243 estão recuperados e 2.492 óbitos ainda estão em investigação.

    Leia tudo sobre:

    div#taboola-below-article-thumbnails{padding-top: 20px;}.ig-taboola{padding: 0 0px;}.ig-taboola .trc_rbox_border_elm{margin-top: 5px !important;}.ig-taboola .trc_rbox_border_elm .trc_rbox_header_span{border-bottom: 4px solid;}.ig-taboola .trc_rbox_border_elm .trc_rbox_header_span:after{content: “”;position: absolute;display: block;border-bottom: 1px solid;margin-top: 2px;width: 100%;}.iG_componente_taboola_containerTitulo{margin-bottom: 2.2rem;position: relative;}.iG_componente_taboola_containerTitulo .iG_componente_taboola_containerTitulo_title{font-size: 3.18rem;color: #000;text-transform: uppercase;font-weight: 300;border-top: 8px solid #000;padding-top: 8px;width: max-content;}.iG_componente_taboola_containerTitulo .iG_componente_taboola_containerTitulo_title::before{content: “”;display: block;border-top: 1px solid #d4d4d4;position: absolute;width: 100%;top: 0;}

    Veja Também

    window._taboola = window._taboola || [];_taboola.push({mode: ‘organic-thumbs-feed-02-mp’,container: ‘taboola-most-popular-thumbnails’,placement: ‘Most Popular Thumbnails’,target_type: ‘mix’});

    window._taboola = window._taboola || [];_taboola.push({mode: ‘thumbnails-b’,container: ‘taboola-below-article-thumbnails’,placement: ‘Below Article Thumbnails’,target_type: ‘mix’});

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      carregando

      Comentários

      if (/saudebucal/gi.test(window.igChannel) === false){if(document.querySelector(‘meta[name=”iG-noticia-comentarios”]’).content == ‘true’){document.write(‘‘);var dataHref = location.href.split(‘?’)[0];document.querySelector(‘#widget-comments’).innerHTML += ‘

      ‘;var checkFBCommentsLoaded = setInterval(function(){if(document.querySelector(‘.fb-comments’).getAttribute(‘fb-xfbml-state’) == ‘rendered’){document.querySelector(‘.fb-comments-loading’).remove();clearInterval(checkFBCommentsLoaded);}}, 100);}}