Moradores de barracos destruídos por incêndio em Hortolândia são levados para abrigo em escola


Local era uma área de preservação ambiental que foi ocupada em janeiro. No total, 25 pessoas viviam nas casas. Os moradores de sete barracos destruídos por um incêndio na noite de segunda-feira (14) em Hortolândia (SP) foram levados para um abrigo improvisado na escola municipal do bairro Jardim Boa Esperança. O local era uma área de preservação ambiental que foi ocupada em janeiro. No total, 25 pessoas viviam nas casas.
A Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social de Hortolândia afirmou que ofereceu alimentação, roupas e colchões para os moradores. Eles também foram cadastrados no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) para fazer o pedido de novas vias dos documentos perdidos.
De acordo com a administração, técnicos da Secretaria de Habitação vão conversar com as famílias para avaliar, “caso a caso”, a concessão de auxílio-aluguel e cadastro em programas habitacionais.
Incêndio atingiu barracos em Hortolândia na noite de segunda-feira
Reprodução/EPTV
O incêndio
De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma área de 150 metros foi atingida pelo fogo e não houve feridos. O trabalho de rescaldo só foi concluído na madrugada de terça-feira (15). Os bombeiros de Hortolândia, Americana (SP) e Campinas (SP) atuaram no combate às chamas.
Os barracos são feitos de madeira, material de fácil propagação do fogo. No entanto, ainda não há informação sobre o que iniciou o incêndio.
Veja mais notícias da região no G1 Campinas
Leitores On Line