Medicina avança para o primeiro implante de olho biônico em humanos do mundo

Após mais de dez anos de estudos, cientistas da Universidade Monash, na Austrália, estão quase prontos para realizar o primeiro implante de olho biônico em humanos do mundo. O procedimento se baseará na introdução um dispositivo no cérebro, que será capaz de restaurar a visão de pessoas com deficiência visual.

A equipe de pesquisadores de Monash divulgaram ontem, 14 de setembro, que após longos meses de experimentos realizados em animais, o procedimento já caminha para possíveis testes clínicos em humanos.

O dispositivo, que recebeu o nome de Gennaris, poderá auxiliar os pacientes com nervos ópticos comprometidos, diagnóstico que impede que a retina transmita os sinais captados ao cérebro e, consequentemente, leva a quadros de cegueira.

Clique aqui para ler mais

Leitores On Line