Mais de 290 mil tainhas foram pescadas em Florianópolis na safra 2020

Resultado é considerado bom pelos pescadores

A temporada 2020 da safra da tainha tem trazido boas notícias para pescadores, patrões de ranchos e consumidores. Até esta semana, a Superintendência Municipal de Pesca, Maricultura e Agricultura contabilizou cerca de 292 mil tainhas pescadas em arrasto de praia. O levantamento foi realizado pelo órgão da prefeitura em conjunto com os pescadores de Norte a Sul da Ilha de Santa Catarina.

Hemosc Florianópolis recebe doações de plasma de quem teve Covid-19

Entre as praias com maiores números, destaque para os Ingleses, com cerca de 116 mil peixes pescados (185 toneladas). Na Barra da Lagoa, os pescadores juntaram aproximadamente 36 mil tainhas nas redes de arrasto. Na Lagoinha, no Norte da Ilha, e no Santinho, cerca de 30 mil tainhas pescadas cada.

Na pesca de emalhe anilhado (barcos motorizados artesanais), foram 483 toneladas de tainhas. Já nas traineiras, 493 toneladas de tainhas pescadas até esta semana. Ou seja, somando as três categorias, aproximadamente 1,4 mil toneladas de tainha já caíram nas redes dos pescadores de Florianópolis nesta temporada.

O resultado é considerado positivo pela categoria. Nesse ano, os trabalhadores da pesca tiveram que se readaptar por conta do novo coronavírus. Como medidas de prevenção, o governo de Santa Catarina publicou um decreto obrigando o uso de máscaras e distância de dois metros entre as pessoas que puxam a rede. Até o dia 30 de junho, não foram registrados casos de Covid-19 em pescadores.

Vacinação dos pescadores

Para proteger os trabalhadores envolvidos na pesca da tainha, a prefeitura vacinou contra a gripe pescadores, patrões de rancho de pesca e demais envolvidos com mais de 50 anos. Em três dias, um mutirão que aplicou 900 doses de vacinas. Os pescadores também foram cadastrados e receberam máscaras de proteção contra o coronavírus.

Fim do prazo

Daqui a uma semana, no dia 31 de julho, termina o período para a pesca da tainha de emalhe anilhado (barcos motorizados artesanais), que iniciou no dia 15 de maio, e a de cerco/traineiras, que começou em 1º de junho. 

Barcos artesanais motorizados podem pescar até dia 31
Barcos artesanais motorizados podem pescar até dia 31

A pesca artesanal vai até o dia 31 de dezembro, mas o pico da atividade ocorre nesse período do meio do ano, principalmente nos meses de junho e julho.

Com Agências

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line