Luto no Surfe Mundial com a morte de Derek Ho

Ataque cardíaco leva um dos maiores surfistas de todos os tempos


Luto no Surfe Mundial com a morte de Derek Ho

<!–Luto no Surfe Mundial com a morte de Derek Ho –>

Morreu neste sábado Derek Ho. Um dos maiores nomes da história do surfe profissional, o havaiano sofrera um ataque cardíaco na sexta-feira e faleceu ontem aos 55 anos. Após ser levado a um hospital local, Derek entrou em coma e não resistiu, segundo o canal “KITV” do Havaí.

Após divulgada a informação sobre o coma, muitos perfis de surfe postaram durante toda a sexta pedidos de oração ao ex-campeão mundial (primeiro havaiano a conquistar o título, em 1993), considerado uma lenda em Oahu, uma das ilhas do Havaí.

Logo depois de ficar ciente do falecimento de Derek, o francês Jeremy Flores postou em seu Twitter uma homenagem, lembrando que a “lenda jamais morrerá”.

– A lenda nunca morre. Descanse em paz, tio D. Soldado das boas vibrações. Soldado do mar. Amo vocês, caras. Sempre lembrarei dessa vibe.

O tricampeão mundial Mick Fanning também fez um tributo a Ho. Em sua conta no Instagram, disse que o legado da lenda vai continuar eternamente.

– É tão triste ouvir que perdemos outra grande alma. O tio D sempre foi um cara amigável e engraçado comigo. Cheio de vida e peculiar na maneira incrível de viver da família Ho. Vê-lo ainda surfando em lugares como Pipeline melhor do que ninguém com 55 anos é uma grande inspiração. Sua memória, legado e caráter permanecerão vivos e inspirarão muitos no futuro. Muito amor para toda a família Ho neste tempo. Te amo ????????❤– escreveu Fanning.

Nascido em Kailua, Derek foi campeão mundial aos 29 anos (além de também faturar o Piper Masters duas vezes) e era irmão mais novo de Michael Ho, outro surfista renomado nos anos 1970 e 1980. Filhas de Michael, os sobrinhos Mason e Coco Ho representam a família na atual safra do Circuito Mundial.

Com Agências