Leoncio aponta pré-candidatura e SJB passa a ter 7 nomes na disputa

Faltando 58 dias para o prazo final das convenções partidárias, o tabuleiro eleitoral de São João Batista continua mexendo. Antagonista do vice-prefeito Pedro Alfredo Ramos, o Pedroca, do MDB, o vereador Leoncio Cypriani aponta que será pré-candidato pelo PSD. Informação foi divulgada pelo radialista Moacir Muniz, na edição desta segunda-feira (20), do programa Meio Dia […]

Faltando 58 dias para o prazo final das convenções partidárias, o tabuleiro eleitoral de São João Batista continua mexendo. Antagonista do vice-prefeito Pedro Alfredo Ramos, o Pedroca, do MDB, o vereador Leoncio Cypriani aponta que será pré-candidato pelo PSD.

Informação foi divulgada pelo radialista Moacir Muniz, na edição desta segunda-feira (20), do programa Meio Dia Em Ponto, e confirmada em publicações realizadas pelo próprio vereador em aplicativo de troca de mensagens.

Cypriani diz que vai procurar o presidente do PSD, o ex-prefeito Gilberto Cândido, e solicitar autorização para colocar o nome à disposição para concorrer ao cargo de prefeito. “É o primeiro de vários passos. Depois o diretório estadual. Se autorizado começo a procurar apoio, inclusive da ala do MDB que não apoia Pedroca e Dei do Gás”, diz o vereador.

Leoncio foi eleito vereador em 2016 pelo MDB, mas em meados de 2019 os atritos com o vice-prefeito e pré-candidato Pedroca, se tornaram público culminando com a saída do parlamentar do partido. Ele é um dos principais opositores a candidatura de Pedroca e tenta viabilizar alternativas ao projeto emedebista.

Também é o vereador com a maior proximidade com o prefeito Daniel Cândido e seu pai, o médico e ex-prefeito Gilberto Cândido. Tanto que na polêmica mudança do nome da Ponte Gentil Silva para José Jovino Silveira, o Zé Pedreiro, não houve intervenção da Executivo e venceu a proposta de Cypriani. Líder do Governo na Câmara de Vereadores, controla as votações de projetos da Prefeitura.

“Minha decisão de colocar meu nome à disposição do 55 não é por acaso. Venho percebendo um descontentamento das bases do 15 em relação a forma de agir da direção do MDB.  Também estou embasado na certeza que tenho capacidade de suceder a altura o atual prefeito Daniel”, disse em conversa há pessoas próximas.

Confirmada a disposição, os governistas teriam dois nomes na disputa, ampliando o racha nos partidos da base governistas. Na Câmara de vereadores já há um movimento atípico, com os vereadores Juliano Peixer e Milson da Silva, ambos do MDB, e Déio da Gás (PSL) defendendo o vice-prefeito; e Rúbia Tamanini (PSL), Éder Vargas (MDB), Tarcísio Soares (PSL), Ademir Rover (PRB) mais próximos de Leoncio.

Pré-candidatura de Leoncio poderá colocar São João Batista em situação única. Atualmente são pré-candidatos a prefeito Pedro Alfredo Ramos, o Pedroca (MDB), Betinho Souza (Cidadania), Pastora Fernanda (PSC), Estevan Nascimento (PL), Fábio da Ravel (PP) e Ângelo Zunino (PT).

Convenções partidárias serão realizadas, de 31 de agosto a 16 de setembro, e delas sairão os nomes definitivos para a eleição que acontece em 15 de novembro. Até lá os partidos seguem suas articulações, e apesar dos atuais sete nomes com pré-candidatura, a quantidade deverá reduzir.

Com Agências

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.