Justiça reduz para 40 salários mínimos fiança de advogado preso por armazenar pornografia infantil


A defesa informou que será feito o pagamento desse valor. Advogado já retornou à penitenciária e vai aguardar o pagamento da fiança para ser colocado em liberdade.
Marcelo Spínola Salgado foi preso por armazenamento de pornografia infantil
Reprodução/Redes Sociais
Durante audiência de custódia no Fórum da Comarca de Santarém, no oeste do Pará, a Justiça decidiu em diminuir o valor da fiança ao advogado preso durante operação de combate a pornografia infantil. A Polícia Civil havia arbitrada a fiança de 80 salários mínimos, mas a Justiça definiu o novo valor em 40 salários. A audiência foi realizada nesta quarta-feira (16).
*Reportagem em atualização
Leitores On Line