Instituto de Garopaba promove rifa para trabalhos de educação ambiental

Contribuindo com a Rifa IMMC você apoiará o trabalho de educação ambiental desenvolvido há 8 anos pelo Instituto Monitoramento Mirim Costeiro (IMMC) de Garopaba (SC).

Nesta segunda-feira, 03/08, foi lançada a primeira ‘Rifa On-Line’ do Instituto Monitoramento Mirim Costeiro, de Garopaba (SC). A campanha tem a finalidade de arrecadar valores para minimizar os custos operacionais da equipe do IMMC durante a pandemia. Todos os profissionais como: os oceanógrafos, bióloga, geólogo, jornalista do terceiro setor e a especialista em projetos e parcerias, não tem medido esforços para manter o trabalho da instituição todos os dias, agora em modo home office, devido a pandemia do Covid-19. Com a crise atual perderam os apoiadores mensais que davam a sustentabilidade para manter a sede funcionando no Centro Histórico de Garopaba e a equipe.

Contribuindo com a Rifa IMMC (https://rifeme.com.br/sem-categoria/rifa-do-immc-para-arrecadacao-de-recursos-financeiros/) você apoiará o trabalho de educação ambiental desenvolvido há 8 anos pelo Instituto Monitoramento Mirim Costeiro (IMMC), de Garopaba (SC). Você apoia e o IMMC educa e espalha ‘Guardiões Mirins’ pelo planeta.

A Premiação:

Casa da Montanha Garopaba (hospedagem final de semana para 04 pessoas até 30 de novembro) + Consultoria online GONDWANA para organizar uma viagem familiar para um destino de ecoturismo + 01 cortesia de almoço ou jantar para 01 casal no Restaurante Setenta e Sete (válido até 30 de novembro) + 03 camisetas masculinas tamanho M da Mormaii + 01 top preto feminino tamanho G da Mormaii + 01 blusa feminina M da Rip Curl + 01 chinelo de dedo feminino da Rip Curl.

Acesse: https://rifeme.com.br/sem-categoria/rifa-do-immc-para-arrecadacao-de-recursos-financeiros/

Sobre o Instituto Monitoramento Mirim Costeiro (IMMC)

O Instituto Monitoramento Mirim Costeiro (IMMC) possui um programa que é uma Tecnologia Social pioneira no Brasil de educação para a conscientização da preservação da zona costeira e valorização da cultura tradicional. Há oito anos fomenta a aprendizagem participativa por meio da pesquisa e busca transformar estudantes 4º e 5º ano das Escolas Municipais em ‘guardiões dos oceanos’. Desde 2012, já foram beneficiados 2.240 alunos de 12 Escolas Municipais de Garopaba, além de envolver mais de 30 professores da Rede de Ensino com o Programa de Educação Ambiental de Monitoramento Mirim Costeiro. Fizeram 192 saídas a campo, 277 aulas teórico-participativas, além da instalação de 22 placas informativas com indicadores locais nas principais vias de acesso das praias monitoradas. Na temporada de verão 2018/2019 impactou 15 mil turistas nas praias da região em seu projeto Verão Praia Limpa Mais de 35 mil pessoas foram impactadas neste período na sede da instituição, nos eventos nas praias monitoradas, eventos em escolas, universidades e virtuais.

A sede institucional, no Centro Histórico de Garopaba, foi aberta em 2017, sendo estruturada como um Centro de Referência em Educação Socioambiental na região. Possui o Mini Museu do Mar, Oceanoteca com livros, vídeos e jogos educativos sobre os oceanos. Oferece para as crianças da comunidade Oficinas de Arte-Educação, Expedições Científicas, Yoga, além de oportunizar para as famílias da comunidade o Projeto História Contada, com narrativas sobre cultura, pesca, medicina natural e eventos anuais como o DMLRP – Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias, Celebração de Boas Vindas as Baleias Franca, além do estande institucional em eventos culturais da cidade e outras localidades.

A missão do IMMC é replicar sua Tecnologia Social no maior número de cidades litorâneas possíveis, fomentando o conhecimento sobre o Oceano para o público infantil e conectando as crianças por meio de uma REDE DE GUARDIÕES MIRINS DO OCEANO. Para atingir este objetivo, o IMMC está desenvolvendo estratégias educativas para disseminar a cultura oceânica, oferecendo cursos on-line sobre o Oceano para crianças e para educadores que tenham interesse em se tornar replicadores da Tecnologia Social do Monitoramento Mirim Costeiro em sua unidade escolar e/ou comunidade.

O IMMC começou a dar os primeiros passos em busca da realização de sua missão no ano de 2019 com a capacitação da primeira turma de educadores replicadores da nossa Tecnologia Social no município de Ubatuba, São Paulo. Por meio de um termo de cooperação entre o CERE – Centro Esportivo e Recreativo Itamambuca, município de Ubatuba – SP foram realizadas 32 oficinas educativas com a metodologia de pesquisa pioneira do IMMC para grupos de até 30 crianças de três escolas municipais de Ubatuba (SP). Os municípios catarinenses de Florianópolis e Imbituba serão os próximos a replicarem a metodologia do IMMC em sua rede municipal de educação. Por meio de uma parceria com o programa Escola Azul do Ministério do Mar de Portugal, o IMMC levará sua Tecnologia Social para as escolas portuguesas, expandindo assim as fronteiras da sua Rede de Guardiões Mirins do Oceano para a Europa.

Saiba mais em nosso site: www.monitoramentomirimcosteiro.com.br, no Blog http://monitoramentomirimcosteiro.blogspot.com/ e nas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Instituto de Garopaba promove rifa para trabalhos de educação ambiental

Leitores On Line