Imposto de Renda: Receita abre consultas ao quinto e último lote de restituições nesta quarta

Dinheiro da restituição será liberado no próximo dia 30. Receita prevê pagar R$ 4,3 bilhões a mais de 3 milhões de contribuintes nesse lote, o último do calendário. A Receita Federal abre nesta quarta-feira (23), a partir das 9 horas, as consultas ao quinto e último lote de restituições do Imposto de Renda 2020.
O crédito bancário para 3.199.567 contribuintes será realizado no dia 30 de setembro, totalizando o valor de R$ 4,3 bilhões.
Prazo para entrega terminou em julho; veja o que fazer se você não declarou
As consultas podem ser feitas:
na página da Receita na internet;
pelo telefone 146;
no aplicativo da Receita para tablets e smartphones.
No quinto lote, a restituição será paga:
em 30 de setembro;
a 3.199.567 contribuintes;
no valor de R$ 4,3 bilhões.
Consultas
Ao realizar a consulta do Imposto de Renda 2020, o contribuinte será informado de uma das alternativas abaixo:
que foi contemplado e que receberá os valores na semana que vem;
ou que a declaração está na “fila de restituição”, ou seja, que está tudo correto (apenas aguardando a liberação dos valores nos próximos meses),
ou que está “em processamento”, ou na “fila de espera” do órgão. Quando a declaração está “em processamento” ou na “fila de espera”, pode ser que haja alguma inconsistência de informações, e o contribuinte pode revisá-la para ter certeza, mas isso ainda não é certo.
Malha fina
Para saber se está na malha fina, os contribuintes podem acessar o “extrato” do Imposto de Renda no site da Receita Federal no chamado e-CAC (Centro Virtual de Atendimento).
Para acessar o extrato do IR é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.
Veja o passo a passo do extrato do IR
Após verificar quais inconsistências foram encontradas pela Receita Federal na declaração do Imposto de Renda, o contribuinte pode enviar uma declaração retificadora.
Quando a situação for resolvida, o contribuinte sai da malha fina e, caso tenha direito, a restituição será incluída nos lotes residuais do Imposto de Renda.
Assista as últimas notícias de economia

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line