Ideb: Piauí supera meta do ensino fundamental, mas ensino médio fica abaixo


De acordo com os dados, a educação básica de Teresina teve o melhor resultado entre as capitais do Nordeste. Escola pública em Teresina (PI)
Divulgação/Prefeitura de Teresina
O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2019, divulgado nesta terça-feira (15), apontou que no Piauí, todos os anos do ensino fundamental superaram a meta, mas não atingiu o mínimo proposto para o ensino médio. O Ideb avalia o desenvolvimento da educação básica brasileira.
De acordo com os dados, a educação básica de Teresina, do 1º ao 9º ano, teve o melhor resultado entre as capitais do Nordeste. A capital piauiense alcançou a nota de 7,4 nos anos iniciais e 6,3 nos anos finais, batendo as metas estadual e nacional.
Ideb é sigla para Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, feito pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Ministério da Educação (MEC).
Ele avalia a evolução da aprendizagem no país, com base no desempenho dos alunos em português e matemática. O objetivo é levar o Brasil a atingir a mesma média de conteúdo de alunos de países desenvolvidos (OCDE). Em uma escala de zero a 10, a meta é chegar a 6 na média geral, tanto em escolas públicas quanto particulares.
Os resultados do IDEB são divididos em três níveis de ensino: os primeiros anos do ensino fundamental (1° a 5° ano), os anos finais do ensino fundamental (6° a 9° ano) e os três anos do ensino médio.
Piauí acima da meta
Ideb 2019, por estado, primeira etapa do ensino fundamental (1º ao 5º ano)
Infeografia/G1
O Piauí foi o segundo estado com a maior crescimento do índice nos primeiros anos do ensino fundamental. Ao todo, escolas de 217 cidades do estado foram testadas. Desses municípios, 66,4% alcançaram a meta do Ideb.
Os estados de Alagoas, Ceará e Piauí foram os que registraram o maior crescimento da nota. O Piauí e o vizinho Ceará foram os únicos a superar a meta proposta para 2019 em mais de 1 ponto. A rede pública do Piauí conseguiu atingir índice de 5,4. O número é 1,2 ponto acima da meta para 2019.
Ideb 2019 do ensino fundamental (6º ao 9º ano)
Infografia/G1
Já os anos finais do ensino fundamental, o Piauí está entre os sete estados que conseguiram cumprir a meta do Ideb para 2019. O estado tinha a meta de índice 4,5, e atingiu 5,19 pontos.
Foram testados os estudantes dos anos finais do ensino fundamental de 218 municípios piauienses. Em 75 dessas cidades (34%), os alunos conseguiram atingir a meta do Ideb.
Ensino médio em baixa
As notas dos alunos do ensino médio do Piauí ficaram abaixo da meta estipulada para 2019. A nível nacional, apenas no Goiás e no Pernambuco a meta foi atingida.
O resultado do Piauí foi de 3,7, um pouco abaixo da meta estipulada para 2019, de 3,8. O índice ficou 0,2 ainda quase meio ponto abaixo da média nacional, 4,2.
A rede estadual participa com mais de 97% da matrícula na rede pública, evidenciando que o ensino médio é predominantemente de responsabilidade dos governos estaduais e do Distrito Federal.
Leitores On Line