Homem leva tiro e é preso após furtar escola em Ponta Grossa, diz polícia


Suspeito invadiu instituição e tentou levar televisões, notebooks e um aparelho de som, de acordo com a PM. Vizinha percebeu movimentação e fez denúncia. Polícia prende suspeito de furtar escola em Ponta Grossa
Um homem levou um tiro e foi preso após furtar uma escola municipal de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, segundo a Polícia Militar (PM). O suspeito, de 36 anos, foi baleado na perna por um policial.
De acordo com a polícia, o homem que tem 36 anos invadiu a Escola Municipal Osni Vilaca Mongruel, no Núcleo Santa Terezinha, no sábado (26), pela manhã.
Para entrar na escola, o suspeito usou uma barra de ferro da quadra de vôlei para arrombar uma grade de uma das janelas.
Foram furtados dois televisores, um aparelho de som e dois notebooks, segundo a direção da escola. No entanto, uma vizinha da instituição percebeu o furto e chamou um policial militar que mora no bairro.
O policial conseguiu localizar o homem. Segundo a PM, o suspeito tentou golpear o policial com uma faca. Na sequência, o agente de segurança atirou contra a perna do homem.
O suspeito foi socorrido e levado para um hospital da cidade. Depois de receber alta, ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil. O homem tinha um mandado de prisão em aberto, segundo a polícia.
Os objetos furtados foram recuperados e devolvidos à escola.
Aparelhos eletrônicos foram recuperados
PM/Divulgação
Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line