Harry Styles adia shows no Brasil e demais locais da América do Sul

O cantor Harry Styles anunciou nesta terça-feira (15) que não fará os shows previstos na América do Sul, México, Austrália e Nova Zelândia em 2020. O britânico tinha duas apresentações marcadas para outubro no Brasil, mas, em abril, já era especulado o adiamento dos shows para o próximo ano em decorrência da pandemia de Covid-19. “A saúde e a segurança de todos continuam sendo nossa prioridade, por isso, infelizmente, tenho que adiar todos os shows de 2020 na América do Sul, México, Austrália e Nova Zelândia até novas ordens. Eu realmente espero fazer os shows conforme planejado para 2021, mas continuaremos monitorando a situação nas próximas semanas e meses. Mal posso esperar para ver todos vocês na estrada assim que for seguro”, publicou Styler no Twitter.

Em abril, o jornalista José Norberto Flesch, do Yahoo!, já tinha adiantado que o músico britânico cancelaria as apresentações no Brasil. Segundo ele, a previsão é que Harry Styles desembarque por aqui em setembro de 2021, mas ainda não há datas confirmadas. Os shows fazem parte da turnê “Love on Tour”. Harry Styles já tinha remarcado a maratona de shows na Europa por causa da pandemia global e também na América do Norte, onde passaria a partir de junho.

Leitores On Line