Funcionários da Disney protestam contra reabertura do parque na Califórnia

O sindicato que representa 3 mil funcionários da Disneyland, na Califórnia, organizou hoje uma carreata dentro do parque fechado em forma de protesto, pedindo à empresa que não reabram sem anunciar maiores precauções de segurança.

O representante do sindicato, Austin Lynch, disse que a Disneyland precisa realizar testes de rotina dos funcionários, talvez até uma vez por semana, segundo a emissora norte-americana CNN.

Atualmente, o parque tem 31 mil trabalhadores e atrai 21 milhões de visitantes por ano, sendo o maior empregador na cidade de Anaheim, na Califórnia.

COM AGÊNCIAS