França suspende participação em missão da OTAN devido à conduta da Turquia na Líbia

Navio turco durante exercícios conjuntos da Turquia e da OTAN no mar Negro

O governo francês solicitou esclarecimentos da OTAN antes de retomar as operações no quadro da missão Sea Guardian, acrescentou a mesma fonte, revela o jornal Ouest-France.

A suspensão foi comunicada pelo embaixador da Turquia em Paris, Ismail Hakki Musa, explicando que se deve às investigações da aliança sobre o incidente.

A França acusou embarcações da Turquia de comportamento agressivo no mar Mediterrâneo quando houve uma tentativa de revistar um navio de carga com direção à Líbia. Contudo, a Turquia contestou que o navio francês navegava de maneira arriscada.

Após o incidente, o secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, anunciou que a aliança investigaria o incidente entre os dois países membros.

Anteriormente, Emmanuel Macron, presidente da França, lamentou que a Turquia esteja realizando um “jogo perigoso” na Líbia. Além disso, o mandatário salientou que as ações de Ancara contrariam suas obrigações internacionais.

COM AGÊNCIAS

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line