Ex-secretário do Sistema Penitenciário é nomeado Corregedor-Geral da Polícia Civil do DF


Adval Cardoso assume lugar do delegado Damasceno Espíndola. Órgão investiga crimes e infrações administrativas praticadas por policiais civis. Adval Cardoso, ex-secretário de Administração Penitenciária do DF assume a Corregedoria da Polícia Civil
Acacio Pinheiro/Agência Brasília
O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), nomeou o ex-secretário de Administração Penitenciária do DF, Adval Cardoso, para ser Corregedor-Geral da Polícia Civil. O órgão é responsável pela investigação de crimes e infrações administrativas praticadas por policiais civis.
Adval Cardoso assume no lugar do delegado Damasceno Espíndola. Ele também é delegado de carreira e ficou no comando do sistema prisional desde o início do governo de Ibaneis, até a semana passada, quando foi exonerado junto com outros nove integrantes da cúpula da pasta (veja lista abaixo).
Á época, o GDF disse que os cargos comissionados são de livre provimento. “A nomeação e exoneração de servidores são prerrogativa do chefe do Executivo”, afirmou o governo.”
A nomeação de Adval para a corregedoria foi publicada no Diário Oficial do DF (DODF) de segunda-feira (14).
Suspeita de favorecimento
Presos do Presídio da Papuda em Brasília, em imagem de arquivo.
Gláucio Dettmar/CNJ
No dia 31 de agosto, o diretor da Divisão de Controle e Custódia de Presos do DF e um agente da Polícia Civil, foram detidos por suposto favorecimento para um dos investigados na Operação Falso Negativo, que apura fraudes na compra de testes para a Covid-19.
O ex-secretário de Saúde do Distrito Federal, Francisco Araújo e outros ex-gestores da pasta estão no Complexo Penitenciário da Papuda. Segundo o Ministério Público, eles são suspeitos de integrar uma suposta organização criminosa que direcionou e superfaturou aquisições durante a pandemia.
Após exoneração, cúpula da Saúde do DF é transferida para ala de vulneráveis da Papuda
MP denuncia secretário de Saúde do DF e outros 14 investigados por fraude em contratos
Troca de comando no Sistema Penitenciário do DF
Além do secretário Adval Cardoso, foram exonerados, no dia 9 de setembro, os seguintes gestores:
Érito Pereira da Cunha: chefe de gabinete
Johnson Kennedy Monteiro: Coordenador do Sistema Prisional,
Ivani Matos Sobrinho: Diretor do Centro Integrado de Monitoração Eletrônica
Antônio Arino Araújo Vidal: Diretor da Diretoria Penitenciária de Operações Especiais
Fábio Santos de Souza: Diretor da Diretoria de Inteligência Penitenciária
Jessica Racquel Moura de Barros: Diretora da Escola Penitenciária
Marcelo Rosemberg Silva Sousa: Diretor da Diretoria de Suporte Operacional, da Coordenação Administrativa
José Ribamar da Silva: Diretor da Centro de Progressão Penitenciária
Mário Fernando Torres de Assunção Gutierres: Gerente, da Gerência de Controle de Internos, da Coordenação do Sistema Prisional
Os nomeados para substituir os demitidos na Secretaria de Administração Penitenciária do DF são:
Agnaldo Novato Curado Filho: secretário
Geraldo Luiz Nugoli Costa: chefe de gabinete
Waldek Fachinelli Cavalcante: Coordenador do Sistema Prisional, da Seape
Cláudio Simões dos Santos: Diretor do Centro Integrado de Monitoração Eletrônica
Anderson Henrique Ribeiro: Diretor da Diretoria Penitenciária de Operações Especiais
Rodrigo Ribeiro Valadão: Diretor da Diretoria de Inteligência Penitenciária
Deidson Brian Rocha dos Reis Oliveira: Diretor da Escola Penitenciária
Marcelo Gonçalves Nunes: Diretor da Diretoria de Suporte Operacional, da Coordenação Administrativa
Ivanildo Carlos de Souza: Diretor da Centro de Progressão Penitenciária
Diogo Viana da Silva: Gerente, da Gerência de Controle de Internos, da Coordenação do Sistema Prisional
Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.
Leitores On Line