EUA, Canadá e Reino Unido acusam Rússia de tentar roubar pesquisas sobre vacina contra coronavírus

O Centro de Cyber Segurança do Reino Unido divulgou um comunicado em que acusa hackers de tentarem roubar pesquisas acadêmicas sobre tratamentos e vacina contra a Covid-19 de outros países, como Estados Unidos, Canadá e Reino Unido.

Doctor's hand holding a syringe of covid-19 vaccine and vaccine vial

Segundo a nota, o grupo de hackers é conhecido como Cozy Bear e que, quase certamente, integram os serviços de inteligência da Rússia. Os principais alvos seriam empresas farmacêuticas e universidades.

Paul Chichester, diretor do Centro de Cyber Segurança britânico, afirmou que a instituição condena os ataques “contra aqueles que fazem um trabalho vital para combater a pandemia do coronavírus”. O relatório afirma que os ataques acontecem de forma contínua.

Quem também se pronunciou foi Dominic Raab, ministro de Relações Exteriores do Reino Unido. Ele garantiu que o país quer responsabilizar os culpados e chamou a atitude de egoísta e imprudente.

Com Agências

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.