Estreia de Lacombe arrebenta no YouTube

Autor de 31 livros que venderam mais de 1 milhão de exemplares, dá dicas de expressão verbal para turbinar sua carreira.

Luís Ernesto Lacombe marca um golaço. Depois de passar pela Globo e Band, quando todos imaginavam que ele ficaria, pelo menos por algum tempo, na rua da amargura, o apresentador faz maior sucesso com sua estreia no YouTube. Em seu primeiro “programa”, ultrapassou a impressionante marca de 100 mil acessos ao vivo e o número estonteante de 1 milhão de inscritos. É gente pra ninguém botar defeito.

Para essa estreia convidou dois outros conservadores, que, de maneira geral, apoiam o presidente Bolsonaro, Alexandre Garcia e Caio Coppolla. Falo “de maneira geral” porque os dois elogiam as iniciativas de Bolsonaro, mas, tanto um quanto outro, já fizeram críticas quando julgaram que o presidente não havia se comportado de forma conveniente.

Não foi nenhuma surpresa que a conversa girou em torno da importância do conservadorismo, e de como enfrentam as críticas dos chamados progressistas, que não concordam com a maneira deles pensarem. Coppolla enfrentou fogo cerrado daqueles que atuavam com ele na Jovem Pan, na época em que participava do programa Morning Show. Chegava a debater sozinho simultaneamente com quatro outros participantes.

Debatedores com experiência

Graças ao seu bom desempenho nesses debates, foi contratado pela CNN para participar no quadro “O grande debate”. Ali também tem feito suas vítimas. A primeira a enfrentá-lo foi a advogada Gabriela Prioli. Poucas semanas depois de ter iniciado sua participação, ela não aguentou a pressão e pediu para sair. Em seguida foi outro advogado, Augusto de Arruda Botelho. Também sucumbiu. Atualmente puseram outro advogado, Marcelo Feller. Parece que esse também não vai longe.

Alexandre é um velho conhecido dos brasileiros. Durante décadas apareceu como importante jornalista da Rede Globo. Hoje escreve para algumas dezenas de jornais e faz comentários políticos em diversas emissoras de rádio. Seu forte, entretanto, é o blog diário onde faz comentários políticos. Em pouco tempo de atuação, já está se aproximando dos dois milhões de inscritos.

Um trio da pesada para começar com a força toda. Deu certo. Como esperado. Embora tenha sido até um pouco acima do que qualquer pessoa pudesse imaginar. Como se tivessem ensaiado, dividiram muito bem o tempo na conversa sobre cada um dos temas abordados. E esse bate bola simpático foi assim desde o princípio até o final. Todos usaram a boa experiência para falar de maneira espontânea, como se estivem batendo um papo agradável numa reunião de amigos.

Faltou uma opinião contrária

O que faltou? Não haveria espaço para alguém com opiniões diferentes nessa estreia. O risco de que o debate desandasse e tirasse o brilho das apresentações seria muito grande. Portanto, para o início foi de muito bom tamanho. Daqui para frente vamos ver se Lacombe convoca alguns debatedores que possam fazer um contraponto às suas ideias e à maneira de pensar de outros convidados.

Em vários momentos fizeram comentários sobre a importância do contraditório, porque, segundo eles, só assim se consegue o entendimento capaz de se aproximar o máximo possível da verdade. Tomara que os próximos participantes possam discutir ideias, opiniões, maneia de pensar, sem enveredar no bate-boca que geralmente acaba prevalecendo nos confrontos políticos.

Vamos aguardar com interesse, pois parece ser mais uma oportunidade de acompanharmos as notícias do momento, ouvindo diferentes pontos de vista de pessoas que têm estudado e analisado a situação atual do nosso país e do mundo. Quanto mais pessoas inteligentes e bem-informadas tivermos, melhor para formarmos a nossa própria opinião a respeito dos fatos.

Superdicas da semana

  • Ideias diferentes ajudam a raciocinar
  • Falar para quem pensa igual não ajuda a crescer
  • Precisamos aprender a debater ideias sem agressões pessoais
  • Para todo argumento há uma boa forma de refutar

Livros de minha autoria que ajudam a refletir sobre esse tema: “29 Minutos para Falar Bem em Público”, publicado pela Editora Sextante. “Superdicas para escrever uma redação nota 1.000 no ENEM“, “Como falar de improviso e outras técnicas de apresentação”, “Oratória para advogados”, “Assim é que se Fala”, “Conquistar e Influenciar para se Dar Bem com as Pessoas” e “Como Falar Corretamente e sem Inibições”, publicados pela Editora Saraiva. “Oratória para líderes religiosos”, publicado pela Editora Planeta.

Com Agências