Empresas concentram sinistro do ciclone no Sul, diz seguradora

Depois do ciclone que atingiu a região Sul nesta semana, a Sompo Seguros registrou cerca de 560 sinistros comunicados à seguradora até quinta-feira (2), como destelhamentos de lojas, supermercados, casas, quedas de árvores e vidros quebrados.

Os danos se concentram no ramo empresarial (44%), segundo a empresa de seguros. Os segmentos de condomínio (29%) e residencial (23%) foram acionados em menor proporção. Os seguros de automóveis, que têm forte representatividade na carteira da Sompo, quase não tiveram impacto, segundo a empresa, que ressalva que as comunicações de sinistros ainda estão acontecendo.

Mais de 70% dos registros aconteceram em Santa Catarina, 18% no Paraná e 11% no Rio Grande do Sul, diz a empresa.

COM AGÊNCIAS