Dois homens, entre eles o empresário Armando Mashni, da Casa São Paulo, morrem em Laguna vítimas da Covid-19

Duas pessoas morreram vítimas da Covid-19  nas últimas 48 horas, em Laguna, e com isso o município chegou a 12 óbitos nesta pandemia. Na terça-feira, um homem de 61 anos, que morava no bairro Magalhães, não resistiu às complicações da doença. Já nesta quarta-feira, o empresário Muhammad Mustafa Mashni, o seu Armando Mashni, de 84 anos, sucumbiu ao coronavírus, falecendo no Hospital Socimed, em Tubarão.
Não há informações se o morador do Bairro Magalhães, que não teve o nome divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Laguna. Já a morte do empreendedor, que é nascido na Palestina, foi divulgada nas redes sociais do filho, o também empresário Nidal Mashni Muhammad era proprietário da loja de roupas e acessórios Casa São Paulo, na rua Gustavo Richard 242, no centro da Cidade Juliana.
“Infelizmente hoje faleceu meu pai, um grande homem, trabalhador e um exemplo para todos nós. Nossa família agradece todas as orações realizadas. Os planos de Deus são diferentes dos nossos e de Deus nós viemos e para ele retornaremos”, escreveu Nidal sobre o pai, que deixa esposa, sete filhos, dez netos e um bisneto.