Detran multa 69 motoristas por embriaguez durante fim de semana no DF


Departamento de Trânsito também prendeu dois condutores. Foram recolhidos 52 veículos. Detran faz fiscalização e multa 69 motoristas do DF por embriaguez durante fim de semana
Detran/Divulgação
Durante a fiscalização de trânsito, entre a última secta-feira (11) e domingo (130), o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) prendeu dois motoristas e multou 69 por dirigirem sob influência de álcool. As equipes também recolheram 52 veículos para o depósito do departamento.
Motorista com sinais de embriaguez atropela e mata dois garis em rodovia no DF
Jovem de 24 anos morre atropelado por motorista bêbado enquanto trocava pneu em acostamento, no DF
De acordo com o Detran, os agentes ainda autuaram 12 condutores que dirigiam sem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Quatro deles estavam com o direito de dirigir suspenso, outros 682 não tinham o documento.
Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, estar sem carteira de motorista ou dirigir com a CNH suspensa ou cassada é infração gravíssima e a multa pode variar entre R$ 293,47 e R$ 880,41. Já dirigir embriagado prevê multa de R$ 2.934,70.
O condutor também fica proibido de dirigir por um ano, mas a regra só passa a valer quando não couber mais recurso. Se o motorista for flagrado novamente dirigindo embriagado no período de um anos, a multa é dobrada e passa a custar R$ 5.869,40. A CNH também pode ser cassada.
Lei Seca ficou mais rígida nos últimos anos; veja o que pode e o que não pode
Lei seca ficou mais rígida nos últimos anos
Juliane Monteiro/G1
4 pessoas mortas por motoristas bêbados
Jovem é atropelado por motorista embriagado enquanto trocava pneu, no DF
Corpo de Bombeiros/Divulgação
Em agosto, motoristas embriagados matam quatro pessoas no Distrito Federal. Em nenhum dos casos, os condutores envolvidos tiverem ferimentos graves. Todos chegaram a ser detidos em flagrante, mas respondem pelos crimes em liberdade, após passarem por audiências de custódia.
Justiça manda soltar motorista bêbado que atropelou e matou jovem que trocava pneu no DF
Justiça manda soltar motorista embriagado que atropelou e matou dois garis no DF
A justificativa da Justiça é que os casos foram registrados como homicídios culposos – sem intenção de matar – e a legislação brasileira não permite prisão preventiva nessas situações, apenas em casos de crimes dolosos – quando há intenção ou se assume o risco de matar.
Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.
Leitores On Line