Decreto flexibiliza restrições sanitárias do coronavírus em Camboriú

Os estabelecimentos que comercializem gêneros alimentícios, tais como, mercearias, mercados, supermercados e congêneres, podem atender de acordo com o alvará de funcionamento, não havendo mais restrição de horário. Mas deverão continuar observando as seguintes regras: limitar o acesso de clientes a apenas uma pessoa por família, sem prejuízo da liberação do ingresso com menores de idade ou dependentes e limitar o acesso de clientes em até 30% da capacidade máxima do estabelecimento.

Aos estabelecimentos que envolvam alimentação, tais como restaurantes, padarias e congêneres, atender no horário de funcionamento conforme alvará. Observando as medisda publicadas em decretos anteriores como, limitar o acesso de clientes em até 40% da capacidade máxima do estabelecimento, devendo ser retiradas e/ou isoladas do salão as mesas e cadeiras excedentes, priorizar o atendimento mediante reserva com agendamento de horário e intensificar as medidas de higienização de superfícies e áreas circulantes.

Demais estabelecimentos comerciais em geral, como lojas, galerias, bares, conveniência e outros podem funcionar de acordo com horário estabelecido no alvará de funcionamento.

As aulas presenciais permanecem suspensas até o dia 12 de outubro de 2020, em todos os níveis educacionais, sem prejuízo do cumprimento do calendário letivo, que será reposto oportunamente.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line