Nesta sexta-feira, Criciúma contabiliza, entre suspeitos (40) e confirmados (54), 94 hospitalizados, três a menos que quinta-feira.

Porém desses, 38 estão em UTI’s, um a mais que ontem, e 51 são de outros municípios e até regiões.

O panorama é preocupante, segundo o secretário de Saúde de Criciúma, Acélio Casagrande.

Atendimentos

Além disso, são mais leitos ocupados na UTI do Hospital da Unimed e cerca de 100 pessoas atendidas todos os dias no Centro de Triagem.

Ainda de acordo com o secretário, o Centro de Tratamento Coronavírus, no Distrito do Rio Maina, também já está recebendo pacientes que necessitam de isolamento.

“Em nome da saúde pública, pedimos que todos colaborem. Vamos cobrar e fazer cumprir os decretos. A vida está acima de tudo e a situação pede conscientização”, declarou Casagrande, acrescentando que “a Vigilância Sanitária está trabalhando 24 horas e vai fazer valer as regras para evitar a continuidade da disseminação”.

 

Denúncias

As denúncias podem ser feitas pelo WhatsApp (48) 9.9193-6259, 190 da Polícia Militar ou pelo aplicativo PMSC Cidadão. Todos funcionam 24 horas por dia.