China tem 22 novos casos de coronavírus, 18 deles em Xinjiang

A Comissão Nacional de Saúde informou que foram registrados 22 novos casos de coronavírus na China nesta quarta-feira, 18 deles em Xinjiang, na região noroeste do país, que vive um novo surto nos últimos dias.

A capital da província, Urumqi, implementou medidas de contenção, suspendeu o transporte e está conduzindo uma campanha maciça de testes para conter a nova propagação do vírus SARS-CoV-2.

Além disso, a China relatou três casos “importados”, um em Xangai, um em Guangdong e um em Shaanxi, além de uma transmissão local na província de Liaoning.

Ainda de acordo com a comissão, até a meia-noite desta quinta-feira (local, 13h de quarta-feira em Brasília), 15 pacientes tiveram alta, deixando o total de infecções ativas na China em 240.

As autoridades sanitárias mais uma vez não registraram mortes por covid-19, o que mantém o número de vítimas do vírus SARS-CoV-2 no gigante asiático em 4.634 pessoas entre as 83.729 infectadas desde o início da pandemia. Há ainda 7.218 pacientes em observação.

Em relação aos casos assintomáticos, que a China não conta como confirmados, foram registrados 31 novos. Dessa forma, subiu para 176 a quantidade de indivíduos nessa situação sob acompanhamento médico.

Na região semiautônoma de Hong Kong foram reportados até agora 2.131 contágios, com 14 mortes, enquanto Taiwan teve 455 casos, com sete óbitos.

Com Agências