Centro de acolhimento para pacientes com Covid-19 em situação de vulnerabilidade social é desativado em Salvador


Atendimento foi desmontado por causa da baixa procura. Unidade oferecia tratamento por equipe multidisciplinar, com médicos, enfermeiros, assistentes sociais, psicólogos, além de alimentação. Centro de Acolhimento para pacientes com Covid-19 é desativado em Salvador
O centro de acolhimento para pacientes com Covid-19 em Salvador, no bairro de Itapuã, será desativado nesta quinta-feira (24). O atendimento na unidade era voltado para pessoas em vulnerabilidade social e será desmontado por causa da baixa procura.
Os três últimos pacientes que ainda estavam no abrigo receberam alta na quarta-feira (23). O centro funcionava desde abril. Desde a abertura até a quarta, apenas 416 pessoas foram acolhidas. No último mês, 85 pessoas foram acolhidas, em uma capacidade de atendimento para 300 pacientes.
A unidade oferecia tratamento por equipe multidisciplinar, com médicos, enfermeiros, assistentes sociais, psicólogos, além de alimentação. Os abrigos e centros de acolhimento das cidades de Ilhéus e Ipiaú, no sul da Bahia, seguem em funcionamento.
Centros de acolhimentos oferecem 1.300 vagas para pessoas em situação de vulnerabilidade em Salvador
Mateus Pereira/GOVBA
Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.
Assista ao BATV