Celesc diz que vai levantar problemas que causam falta de luz na Vargem

Após um protesto de moradores, na semana passada, pela constante falta de energia elétrica em um trecho da Vargem do Bom Jesus, a Celesc disse que vai iniciar averiguações para identificar o problema. Os moradores  queixam que a luz cai entre 18h e 19h e leva muito tempo para voltar. A companhia alertou que inúmeras ligações clandestinas que estão sobrecarregando o sistema elétrico naquela região e que fará o corte para beneficiar os consumidores regulares.

Em nota, a Celesc disse que vem realizando frequentes manutenções no transformador que atende aquela área e reforça que há inúmeras ligações clandestinas que sobrecarregam o sistema na região. Uma vistoria será feita no local e, após esse procedimento, a Celesc vai cortar a luz das casas que estiverem em situação irregular de conexão na rede elétrica.

Com o corte, os consumidores da área que está regularizados terão maior estabilidade no sistema elétrico e as quedas de luz devem terminar.

“A Celesc reforça que ligação clandestina, além de afetar a qualidade da energia dimensionada para uma determinada área com base em clientes regularizados, é crime e oferece risco à vida e ao patrimônio”, disse a nota.

Leia a nota completa da Celesc

Em relação às manifestações ocorridas na manhã de quinta-feira (16) na Vargem do Bom Jesus, em Florianópolis, a Celesc informa que vem realizando frequentes manutenções no transformador que atende aquela área e tem constatado inúmeras ligações clandestinas que estão sobrecarregando o sistema elétrico naquela região. Nos próximos dias, a empresa fará uma vistoria no local para identificar os pontos deste tipo de ligação e efetuará a sua desconexão do sistema elétrico visando melhorar a situação dos consumidores regulares.
A Celesc reforça que ligação clandestina, além de afetar a qualidade da energia dimensionada para uma determinada área com base em clientes regularizados, é crime e oferece risco à vida e ao patrimônio. Para regular a situação, os interessados devem solicitar a autorização para ligação de energia elétrica junto à Prefeitura Municipal de Florianópolis e, então, pedir a ligação regular para a Celesc.