Candidatos a prefeito em SP somam 5,4 milhões de interações em rede social no último mês; número é quatro vezes o registrado no Rio

Boulos, Arthur no Val e Joice Hasselmann iniciam campanha com maior mobilização no Facebook. No Rio, Marcelo Crivella, atual prefeito, detém metade da quantidade de curtidas, comentários e compartilhamentos. Especialista diz que campanha eleitoral no ambiente digital tem se tornado central nas disputas pelo voto porque é por meio das plataformas que muitos brasileiros trocam impressões sobre os candidatos. Para conquistar o voto do eleitor, candidatos a prefeito e a vereador darão início neste domingo (27) à campanha digital pela internet e redes sociais. Um levantamento feito pelo G1 com base nas páginas do Facebook de candidatos a prefeito das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro mostra o grau de mobilização nas redes nessa fase de largada.
Na capital paulista, as páginas no Facebook dos candidatos conseguiram produzir no último mês cerca 5,4 milhões de interações (curtidas, comentários e compartilhamentos) dos seus seguidores. É quase quatro vezes o registrado no Rio de Janeiro, onde os candidatos acumulam 1,4 milhão de interações.
Os candidatos Guilherme Boulos (PSOL), Arthur do Val (Patriota) e Joice Hasselmann (PSL) lideram a quantidade de interações, considerado por especialistas um indicador importante do grau de mobilização de uma página. As publicações de Boulos foram responsáveis sozinhas por 43% do total de interações. As páginas de Arthur do Val e Joice Hasselmann produziram 28% e 19%, respectivamente, do conjunto das interações. Os outros 10% estão divididos em dez candidatos.
O número de interações, no entanto, não representa necessariamente apoio ao candidato, já que muitas ações dos seguidores podem ser também em tom crítico. O indicador de interações demonstra mais a capacidade da página de gerar mobilização, ampliando a visibilidade dos candidatos.
Em valores médios, ou seja, quando considerada a média de interações por post publicado no período analisado pelo G1, Boulos, Joice e Arthur do Val apresentam desempenhos muito próximos. Boulos e Arthur do Val registram média de 6,5 mil interações por post, enquanto Joice Hasselmann, 4 mil. Com o início da campanha, a tendência é que esses números mudem, com a participação de mais eleitores dispostos a interagir com as páginas.
No levantamento, a página do prefeito e candidato à reeleição Bruno Covas (PSDB) apresenta número de interações zerado durante o período pesquisado (22/8 a 21/9). A análise foi feita por meio da ferramenta Crowdtangle. Nesse período, o prefeito não publicou no Facebook. Em nota, a equipe de comunicação de Covas diz que ele administra pessoalmente suas redes sociais. “Por essa razão, optou por utilizar o Instagram como rede preferencial das suas publicações.”
Interações nas páginas do Facebook dos candidatos em SP somam 5,4 milhões de interações
Aparecido Gonçalves/G1
Campanhas digitais no Brasil têm chamado a atenção de especialistas devido ao grande número de pessoas que utilizam as redes sociais. A estimativa é que o país tenha cerca de 120 milhões de usuários ativos no Facebook, um contingente de potenciais eleitores que podem ser buscados pelos candidatos ou por seus seguidores. E ainda há outras plataformas com milhões de outros usuários e que os candidatos deverão dedicar atenção, como o Instagram, Twitter, TikTok ou os aplicativos de trocas de mensagens.
Na avaliação de Camilo Aggio, professor do Departamento de Comunicação da UFMG e pesquisador Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Democracia Digital, a campanha eleitoral no ambiente digital se tornou central nas disputas pelo voto porque é por meio dessas plataformas que muitos brasileiros trocam impressões sobre os candidatos, podendo se transformar em alguém que vai ajudar a levar adiante a mensagem dos candidatos.
“As plataformas digitais para redes sociais, assim como determinados aplicativos para troca de mensagens individuais e coletivas, se tornaram centrais para as interações sociais cotidianas de milhões de brasileiros. E essas interações comportam, em medida de grande relevância, a produção, circulação e consumo de informações, conteúdos diversos e opiniões, além de se constituírem, efetivamente, como arenas onde opiniões são formadas, transformadas, reforçadas por meio de conversações, discussões e debates. A presença da comunicação de campanhas se faz imprescindível caso os candidatos queiram se apresentar como opções eleitorais, mobilizar simpatizantes, ampliar a visibilidade de suas agendas e pautas, fazer-se presente em discussões de temas políticos que mobilizam contingentes expressivos de pessoas.”
Segundo Aggio, hoje já não basta um candidato ter um grande número de seguidores em sua página se ele não produz conteúdo com potencial de gerar engajamentos. Entre os candidatos à Prefeitura de São Paulo, a página de Joice Hasselmann tem a maior quantidade de curtidas (1,8 milhão) seguida por Arthur do Val, com 1,3 milhão, e Guilherme Boulos, com 875 mil. O candidato do PSOL, porém, apresenta uma maior média de posts por dia (11,8), enquanto a candidata do PSL e o candidato do Patriota registram média próximas: 8 e 8,5 posts por dia.
“Há 10 anos muitos estudos apontam que a medição da influência de uma página ou perfil não deve se restringir à quantidade de seguidores. Na verdade, talvez a quantidade de seguidores, depois de uma faixa específica, sequer se torna o mais importante. O fundamental é que se tenha um contingente de seguidores engajados que interajam com conteúdos dessas páginas e, por meio de ações de curtidas, compartilhamentos, comentários, ampliem o alcance e visibilidade de determinadas mensagens e conteúdos”, afirma Aggio.
Rio de Janeiro
Os dados do levantamento do G1 mostram que, no Rio, a página do atual prefeito e candidato à reeleição Marcelo Crivella (Republicanos) apresenta desempenho superior aos demais candidatos nos últimos 30 dias. A página de Crivella teve 696 mil interações, enquanto a segunda colocada, a página da candidata do PT, Benedita da Silva, obteve 164 mil. Já a página do ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) apresentou 140 mil interações. A média de interações dos posts de Crivella chegou a 13,9 mil, um número alto quando comparado à página de Benedita da Silva, com 1 mil, e de Paes, com 3 mil.
Candidatos do Rio somam 1,4 milhão de interações no último mês
Aparecido Gonçalves/G1
No conjunto, as páginas dos candidatos a prefeito do Rio tiveram um total de 1,4 milhão de interações nos últimos 30 dias. Assim como em São Paulo, esses valores também deverão mudar nas próximas semanas com a autorização do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que os candidatos possam iniciar a campanha na internet. Na avaliação do professor Camilo Aggio, em campanhas digitais, os candidatos precisam estar atentos às particularidades de cada rede social. Parte do número de baixo de interação entre os candidatos do Rio ou de São Paulo pode estar associado à forma como as redes são usadas.
“Em termos de conteúdo, podemos dizer que o Facebook tende a ser mais eclético por misturar formatos diversos: textos, vídeos, imagens, fotos. O Instagram tende a ser imagético em sua essência e pouco textual. O Twitter, essencialmente textual. Há diferenças nas construções das redes. No Twitter, boa parte das redes de contato é construída com base no interesse que alguém tem por seguir alguém pelo que ele faz ou quem ele é ou diz, e não em razão de um conhecimento prévio, de um laço de proximidade externo ao Twitter.”
Segundo Aggio, o Facebook tem como particularidade a formação de redes de amigos, colegas de trabalho e parentes, o que influencia o tipo de interação que esses grupos promovem.
“Grande parte dos que mantêm perfis no Facebook tem a maior parte de suas redes de contato composta por amigos, colegas de trabalho, conhecidos, parentes etc. São redes menos constituídas pelo interesse no que alguém costuma publicar do que por laços existes previamente ou por relações de proximidade com algum parente, amigo, colega ou conhecido”, explica Aggio.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line