Boris Johnson diz que não pode garantir que haverá vacina até fim do ano

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, disse nesta segunda-feira que não pode prometer que haverá uma vacina bem-sucedida contra a covid-19 desenvolvida até o final deste ano, afirmando que “não estamos lá ainda”, apesar de o país estar montando estoques.

Premiê britânico diz que não pode garantir vacina até o fim do ano ...

“Para afirmar que estou 100% confiante que teremos uma vacina, neste ano ou de fato ano que vem, é, infelizmente, simplesmente um exagero. Não estamos lá ainda”, disse Johnson após o Reino Unido anunciar acordos para o fornecimento de mais duas potenciais vacinas que estão em desenvolvimento.

Com mais de 45 mil mortos, o Reino Unido é o país mais atingido na Europa pela pandemia, e o governo conservador de Boris Johnson tem sido bastante criticado por sua administração da crise.

Na última sexta-feira, o governo anunciou que planeja aumentar sua capacidade de triagem, visando “pelo menos 500.000 testes por dia ou 3,5 milhões por semana” até o final de outubro. O serviço de saúde britânico também receberá 3 bilhões de libras adicionais (3,3 bilhões de euros).

Com Agências