Balneário Camboriú regulamenta academias e similares

Idosos devem ter horário presencial e assinar termo de responsabilidade para frequentarem os estabelecimentos

O município de Balneário Camboriú divulgou um novo decreto que regulamenta o funcionamento de estabelecimentos como academias, estúdios de dança, escolas de natação e similares. Além das regras para o funcionamento, o decreto exige que idosos assinem um termo de responsabilidade para frequentar os estabelecimentos.

Balneário Camboriú regulamenta academias e similares. – Foto: Reprodução/ND

As academias de luta, ginástica, musculação, crossfit, funcionais, estúdios personais e de dança, escolas de natação, hidroginástica, hidroterapia e similares devem álcool em gel e tapede higienizador já na entrada, e realizar a medição da temperatura de todos. Funcionários e alunos devem utilizar a máscara e manter o distanciamento mínimo de 1,5 metros.

Os idosos devem assinar um termo de responsabilidade, e passar por uma avaliação de saúde diária, feita pela equipe técnica do local. Os estabelecimentos ainda devem oferecer um horário preferencial para os idosos.

O número máximo de pessoas dentro dos locais deve ser de 30% da capacidade total do estabelecimento e cada pessoa só pode permanecer no local por até uma hora. Os equipamentos devem ser utilizados de forma intercalada (um em uso e um não), ou mantendo a distância mínima de 1,5 metros.

Nas piscinas, é obrigatório o uso de chinelos nos entornos e a higienização das piscinas deve ser feita com hipoclorito de cálcio a 65%.

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line