Aulas suspensas até 7 de setembro em todo Estado

O decreto anterior, de número 630, estabelecia a suspensão das aulas até 2 de agosto.  / Divulgação / AJ

O decreto emitido na última sexta-feira (17), estabeleceu, entre outras medidas de combate à pandemia de Coronavírus, a prorrogação da suspensão das aulas presenciais até 7 de setembro em toda Santa Catarina.

O decreto anterior, de número 630, estabelecia a suspensão das aulas até 2 de agosto.  A medida é válida para unidades das redes pública e privada de ensino, municipal, estadual e federal, relacionadas à educação infantil, ensino fundamental, nível médio, educação de jovens e adultos (EJA) e ensino técnico, sem prejuízo do cumprimento do calendário letivo, que deverá ser, se necessário, objeto de reposição oportunamente.

O Decreto Estadual 724 classifica de risco gravíssimo as seguintes regiões*: Carbonífera, Laguna, Grande Florianópolis, Médio Vale do Itajaí, Foz do Rio do Itajaí; Nordeste e Xanxerê, que compreende 111 dos 295 municípios catarinenses, entre eles, Jaraguá do Sul. O último boletim oficial, de domingo (19), aponta para 765 casos confirmados e seis óbitos na cidade, com uma elevação considerável nas duas últimas semanas. A alta no nível de contaminação fez com que a Prefeitura de Jaraguá do Sul e o Comitê Extraordinário Covid-19 definissem, na sexta-feira (17), novas alterações nas medidas de enfrentamento ao coronavírus no Município.

Continuam proibidos:
– Cinemas, museus e teatros;
– Eventos em formato drive thru e drive-in de qualquer espécie e formato;
– Abertura de casas de eventos, casas noturnas e parques temáticos;
– Shows, espetáculos, festas e eventos que acarretem reunião de público;
– Atividades esportivas de recreação;
– Apresentações musicais, culturais, esportivas e similares em estabelecimentos comerciais, em serviço de alimentação e bar, em clubes sociais e esportivos, e similares.

A fiscalização das medidas será feita pela Vigilância Sanitária e pela Polícia Militar. A equipe de fiscais foi reforçada desde a semana passada e o 190, da PM, foi definido como canal oficial para receber denúncias da população.

Municípios classificados de risco gravíssimo pelo Decreto estadual 724:

Da região Nordeste, constam os municípios de Jaraguá do Sul, Araquari, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Corupá, Garuva, Guaramirim, Itapoá,  Joinville, Massaranduba, São Francisco do Sul, São João do Itaperiú e Schroeder.

A regional carbonífera conta com Cocal do Sul, Criciúma, Forquilhinha, Içara, Lauro Müller, Morro da Fumaça, Nova Veneza, Orleans, Siderópolis, Treviso, Urussanga e Balneário Rincão.

A regional de Laguna tem os municípios de Armazém, Braço do Norte, Capivari de Baixo, Grão Pará, Gravatal, Imaruí, Imbituba, Jaguaruna, Laguna, Pedras Grandes, Pescaria Brava, Rio Fortuna, Sangão, Santa Rosa de Lima, São Ludgero,São Martinho, Treze de Maio, Tubarão.

Na regional da Grande Florianópolis estão Águas Mornas, Alfredo Wagner, Angelina, Anitápolis, Antônio Carlos, Biguaçu, Canelinha, Florianópolis, Garopaba, Governador Celso Ramos, Leoberto Leal, Major Gercino, Nova Trento,Palhoça, Paulo Lopes, Rancho Queimado, Santo Amaro da Imperatriz, São Bonifácio, São João Batista, São José, São Pedro de Alcântara e Tijucas.

Na regional do Médio Vale, Apiúna, Ascurra, Benedito Novo, Blumenau, Botuverá, Brusque, Doutor Pedrinho, Gaspar, Guabiruba, Indaial, Pomerode, Rio dos Cedros, Rodeio e Timbó.

A regional da Foz do Rio Itajaí, tem Balneário Camboriú, Bombinhas, Camboriú, Ilhota, Itajaí, Itapema, Luiz Alves, Navegantes, Penha, Balneário Piçarras, Porto Belo.

Na regional de Xanxerê constam Abelardo Luz, Bom Jesus, Campo Erê, Coronel Martins, Entre Rios, Faxinal dos Guedes, Galvão, Ipuaçu, Jupiá, Lajeado Grande, Marema, Novo Horizonte, Ouro Verde, Passos Maia, Ponte Serrada, São Bernardino, São Domingos, São Lourenço do Oeste, Vargeão, Xanxerê e Xaxim.

Com Agências

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line