Atual campeão asiático é excluído do torneio por surto de Covid-19

O Al Hilal defenderia o título da Liga dos Campeões da Ásia nesta temporada, mas foi excluído do torneio por causa de um surto de coronavírus no elenco. Segundo anúncio feito pela AFC, confederação de futebol do continente, a equipe apresentou apenas 11 atletas para o duelo.

“O Al Hilal, da Arábia Saudita, não conseguiu relacionar o mínimo de 13 jogadores requeridos para o seu jogo pelo grupo B da Liga dos Campeões da Confederação Asiática de Futebol contra o Shabab Al Ahli Dubai, dos Emirados Árabes, e foi considerado como retirado da competição”.

O Al Hilal estava no grupo B, que tem Pakhtakor, do Uzbequistão, e o Shahr Khodro, do Irã. Os resultados anteriores do time saudita foram anulados, o que levou à classificação das equipes de Dubai e Tashkent. Mais de 100 pessoas entre jogadores, integrantes de comissões técnicas e dirigentes de duas ligas de futebol da Arábia Saudita deram positivo para o coronavírus entre o final de junho e o início de julho, de acordo com a federação de futebol do país (SFF).

* Com EFE

Gostou deste blog? Por favor, compartilhe :)

https://jornaltijucas.com.br/feed/
Seguir por E-mail
YOUTUBE
Leitores On Line