Após obra de recuo de calçada, poste fica no meio de avenida em Salvador


Caso ocorre na Avenida Fernandes da Cunha, na Cidade Baixa. Morador relata risco de acidentes no local. Poste no meio da Avenida Fernandes da Cunha, no bairro de Roma, em Salvador
Reprodução/TV Bahia
Após obras que recuaram a calçada na Avenida Fernandes da Cunha, no bairro de Roma, em Salvador, um poste ficou no meio da rua.
Por causa do equipamento, que fica próximo a um ponto de ônibus, os motoristas dos coletivos têm dificuldade para conseguir encostar o veículo no terminal.
Além disso, um morador da região relatou riscos de acidentes no local, causados pelo poste no meio da rua.
“O perigo maior é à noite. Tem menor luminosidade, menor visibilidade. A chance de colisão com esse poste é real”, falou.
Em nota, a Coelba informou que ainda irá realizar o trabalho de recuo do poste, entretanto não especificou um prazo.
“Trata-se de alteração do arruamento após mudança do traçado da pista pela prefeitura de Salvador”.
Ainda segundo a Coelba, a rede elétrica construída após estudos técnicos prévios e segue as normas estabelecidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), respeitando as distâncias e limites de segurança.
“Para que a Coelba construa a rede elétrica, faz-se necessário que o ‘arruamento’ esteja definido pela prefeitura, ou seja, delimitações da largura da rua e dos passeios e dos lotes residenciais. Para implantação da rede elétrica, é respeitada distância mínima de 1,5 metros da sacada da edificação à rede primária e de 1,2 metro para a rede secundária, ou distância mínima de 1 metro para edificações que não possuem sacadas ou janela próxima à rede”, diz a nota do órgão.
Confira mais notícias do estado no G1 Bahia.
Leitores On Line